Um sistema de terapia de estimulação nervosa desenvolvido pela startup Onward Medical é a esperança para pacientes que sonham em recuperar os movimentos. Nesta quarta-feira (27), a empresa anunciou a primeira instalação bem-sucedida do conjunto de eletrodos impulsionados por ondas cerebrais para restaurar a função e a sensação nas mãos e braços.

Leia mais

Como funciona o sistema

  • O anúncio da Onward Medical ocorre cinco meses depois que pesquisadores implantaram um sistema semelhante em um paciente para ajudá-lo a recuperar a capacidade de andar.
  • O sistema ARC, utilizado pela startup, funciona de uma forma um pouco diferente.
  • Ele usa um conjunto de estimuladores externos não invasivos que fica na parte inferior das costas do paciente e ajuda a regular o controle da bexiga e da pressão arterial, além de melhorar a função e o controle dos membros.
  • As informações são da Engadget.
Paciente com dificuldade de locomoção (Imagem: FabrikaSimf/Shutterstock)

Tecnologia pode estar disponível em 2024

O mais recente experimento utilizou o ARC-IM, que é instalado perto da medula espinhal e é controlado por meio de componentes vestíveis e um smartwatch. A Onward já havia usado esse mesmo sistema para permitir que pacientes paralisados ficassem de pé e caminhassem curtas distâncias sem assistência.

Em função dos resultados, recebeu uma designação de dispositivo inovador da Food and Drug Administration (FDA), a agência reguladora de medicamentos dos Estados Unidos, em 2020.

publicidade

Dessa vez, quem recebeu os componentes foi uma paciente de 46 anos que sofria de uma lesão na coluna vertebral C4. Os fios finos que captam sinais elétricos no cérebro do paciente, convertem esses sinais analógicos em sinais digitais que as máquinas podem entender e, em seguida, os transmitem para um dispositivo de computação próximo, onde uma IA de aprendizado de máquina interpreta os sinais elétricos do paciente e emite comandos para o conjunto de estimuladores implantado.

O paciente pensa no que quer fazer e esses dois dispositivos trabalham para traduzir essa intenção em movimento controlado por computador.

Se a terapia continuar a se mostrar promissora, é possível que chegue aos pacientes até o final da década. É importante notar que não esperamos que as pessoas com lesão medular esperem tanto tempo para que a Onward comercialize uma terapia impactante – esperamos comercializar nossa solução de estimulação da medula espinhal externa, a ARC-EX Therapy, para restaurar a função da mão e do braço no segundo semestre de 2024.

Dave Marver, CEO da Onward Medical

O sistema pode ser aplicado em situações que incluem perda de membros, acidente vascular cerebral (AVC), lesão cerebral traumática ou da medula espinhal, entre outras.