Só no Brasil, o câncer de pele representa 33% dos casos da doença, segundo a Sociedade Brasileira de Dermatologia. Nos Estados Unidos, um menino de 14 anos criou um protótipo de sabonete que ajuda no combate da doença e custaria menos de US$ 10 (ou seja, menos de R$ 50). Na prática, o produto reativa a capacidade das células mortas pelo câncer de se protegerem e curarem.

Leia mais:

Inspiração para o sabonete contra o câncer

O criador do sabonete é Heman Bekele, um adolescente de 14 anos dos Estados Unidos. Em abril, ele submeteu um vídeo de dois minutos com sua ideia para a premiação 3M Young Scientist Challenge, que seleciona jovens do quinto ao oitavo ano para “mudar o mundo”.

Este mês, após competir com outros nove jovens, ele venceu o troféu de Melhor Jovem Cientista da América, depois de criar um protótipo junto de sua mentora.

publicidade

Ao The Washington Post, Bekele contou que a inspiração para o protótipo veio de sua infância, quando morava na Etiópia. Ele refletia se as pessoas que via trabalhando debaixo do sol sabiam dos impactos dessa exposição e, agora, quis criar algo que pudesse ajudar no combate ao câncer de pele, uma das consequências dessa exposição.

Imagem: Inside Creative House/Shutterstock

Sabonete contra o câncer de pele

  • Bekele passou meses testando seu protótipo até chegar em um resultado que funcionasse. Para isso, ele combinou compostos usando modelagem computacional, até conseguir chegar a uma fórmula.
  • Ele batizou o projeto de Sabonete para Tratamento do Câncer de Pele e o modelo usa um composto que ajuda a reviver as células dendríticas mortas pelas células cancerígenas.
  • Depois que essas células são revividas, elas podem, sozinhas, lutar contra as células cancerígenas, basicamente como se relembrassem como proteger o corpo.
  • O modelo foi apenas um protótipo, mas Bekele já está em contato com outros cientistas da área para tornar o projeto realidade. Quando ficar pronto, ele pode custar menos de US$ 10 e a intenção é que seja distribuído a organizações para doação.