Um desenvolvedor chamado Obbe Vermeij, que havia trabalhado como diretor técnico na primeira trilogia 3D de Grand Theft Auto, começou a compartilhar histórias sobre o desenvolvimento dos jogos em seu blog pessoal, no começo de novembro. No entanto, ele escreveu, na quinta-feira (24), que vai parar de postar na página justamente por conta da Rockstar, produtora da franquia GTA.

Para quem tem pressa:

  • Obbe Vermeij, ex-diretor técnico da primeira trilogia de Grand Theft Auto (GTA), começou a compartilhar histórias sobre o desenvolvimento desses jogos em seu blog pessoal.
  • Após algumas semanas de postagens sobre os processos de desenvolvimento, Vermeij anunciou que pararia de postar em seu blog devido a um e-mail recebido da Rockstar North, que indicava que alguns veteranos estavam irritados com suas publicações;
  • Em 22 de novembro, Vermeij removeu a maioria das postagens do blog em resposta ao e-mail da Rockstar North, dizendo que não queria irritar ex-colegas.
  • Vermeij expressou decepção com a postura da Rockstar, observando que a empresa se recusa a falar publicamente sobre seus processos de desenvolvimento, mesmo após muitos anos.

Hoje (22 de novembro de 2023), recebi um e-mail da R*North. Aparentemente, alguns dos veteranos lá estão irritados com o meu blog. Sinceramente, eu não achava que alguém se importaria de eu falar sobre jogos de 20 anos atrás, mas eu estava errado. Algo sobre arruinar a mística da Rockstar ou algo assim.

Obbe Vermeij, ex-diretor técnico da primeira trilogia 3D de GTA, da Rockstar

Leia mais:

Bastidores de GTA

Montagem com pôsteres dos jogos da trilogia 3D de GTA
(Imagem: Divulgação/Rockstar)

Obbe Vermeij havia trabalhado como diretor técnico em jogos da Rockstar desde o Grand Theft Auto III no início dos anos 2000 e esteve no estúdio desde 1995, trabalhando em projetos paralelos. Ele desempenhou funções semelhantes em muitos jogos do GTA lançados pelo estúdio até sair, em 2009.

Vermeij vinha compartilhando algumas histórias sobre os processos de desenvolvimento dos jogos, aparentemente sem malícia ou má intenção, em seu blog old-school nas últimas semanas.

publicidade

Estas incluíam insights interessantes sobre o GTA original e o GTA 2, como a quantidade de alterações pelas quais as versões para PC dos jogos tiveram que passar para rodar no PS1.

“Lembro-me de uma vez em que todas as texturas da versão para PS foram reduzidas para 16 cores”, escreve Vermeij. “Quando os artistas viram os resultados, houve palavrões. Não havia escolha. Escolhas difíceis tiveram que ser feitas para fazer o jogo rodar no PS.”

Pessoa segurando controle de PlayStation 5 em frente TV com imagem do GTA aberta
(Imagem: Miguel Lagoa/Shutterstock)

Uma postagem sobre o GTA III, o primeiro jogo em 3D do GTA, menciona como ele foi originalmente prototipado no Dreamcast. O desenvolvedor escreveu sobre o processo de fazer o jogo, como era uma equipe experiente e idílica e como o crunch era mínimo.

Outra postagem celebra os testadores e como eles lidaram com 70 mil bugs em San Andreas. Vermeij também escreveu sobre como o desenvolvedor Alexander Roger criou uma arma que disparava personagens ragdoll para testar mapas no GTA IV.

Uma publicação, de 11 de novembro, falava sobre como alguns dos artistas da Rockstar queriam fazer um jogo de sobrevivência a zumbis depois de terminar o Vice City. O título de trabalho era “Z”, que Vermeij explica que era “pronunciado Zed, não Zee”.

Pretendia-se usar o código do Vice City, definido em uma “ilhota escocesa ventosa e nebulosa”, onde os jogadores estariam sob constante ataque dos mortos-vivos. O foco principal dos jogadores seria adquirir combustível para veículos, mas após apenas um mês de trabalho, aparentemente a equipe achou o projeto muito deprimente. Eles começaram a trabalhar em San Andreas em vez disso.

O limite

Rockstar Games
(Imagem: Luca Lorenzelli/Shutterstock)

Parece que o limite foi ultrapassado para alguns na Rockstar após algumas semanas dessas anedotas e insights. Em 22 de novembro, Vermeij removeu a maioria das postagens do site e adicionou uma nova, na qual escreveu que tinha recebido um e-mail da Rockstar North e que “alguns dos veteranos lá estão irritados com o meu blog”.

Sinceramente, eu não achava que alguém se importaria de eu falar sobre jogos de 20 anos atrás, mas eu estava errado. Algo sobre arruinar a mística da Rockstar ou algo assim. De qualquer forma, este blog não é importante o suficiente para mim para continuar irritando meus ex-colegas em Edimburgo, então estou encerrando.

Obbe Vermeij, ex-diretor técnico da primeira trilogia 3D de GTA, da Rockstar

O desenvolvedor, agora trabalhando em vários projetos em Ottawa, no Canadá, expressou sua decepção pelo fato de a Rockstar se recusar a falar publicamente sobre qualquer um de seus processos, não importa quanto tempo tenha passado.