A Justiça da Califórnia, nos Estados Unidos, condenou a seis meses de prisão o youtuber Trevor Jacob, de 30 anos. Ele admitiu ter derrubado intencionalmente um avião para conseguir visualizações no YouTube. Além disso, se declarou culpado por obstruir uma investigação federal depois de apresentar um relatório falso sobre a localização dos destroços e afirmar que uma falha no motor havia causado o acidente.

Leia mais

Youtuber mentiu aos investigadores

De acordo com a procuradoria dos EUA, Jacob planejou se ejetar da aeronave e se filmar caindo de paraquedas no solo após um problema com o avião que pilotava. Ele disse aos investigadores que não sabia da localização dos destroços pouco antes de publicar as imagens do acidente no YouTube

Uma vez aberta a investigação sobre o caso, o youtuber concordou em fornecer as coordenadas do avião e vídeos dos destroços. Mais tarde, no entanto, afirmou que não sabia do local exato do acidente, apesar de ter recolhido os destroços usando um helicóptero e descartá-los em lixeiras ao redor do Aeroporto de Lompoc.

publicidade

Os promotores afirmaram que Jacob “muito provavelmente cometeu esse delito para gerar mídia social e cobertura jornalística para si mesmo e obter ganhos financeiros” e ressaltaram que “esse tipo de conduta não pode ser tolerada”. As informações são da The Verge.

YouTuber queda avião
Youtuber Trevor Jacob pulando do avião após suposto acidente (Imagem: Reprodução/ YouTube)

Relembre o caso

  • Em dezembro de 2021, Trevor pilotava um Taylorcraft BL64, que tinha acabado de comprar e que aparentava precisar de manutenção. 
  • O ex-snowboarder olímpico sobrevoava as colinas da Floresta Nacional de Los Padres, Califórnia, quando o motor do avião supostamente perdeu potência, parou e não pôde ser reiniciado.
  • O youtuber continuou a filmar e disse: “É por isso que eu sempre voo de paraquedas”.
  • Já em solo, ele caminhou até os destroços do avião e gravou as ferragens.
  • Após a postagem do vídeo, no entanto, começaram a surgir questionamentos sobre a veracidade do episódio.
  • Entre eles os mais de 5 mil comentários desativados por Trevor e que diziam que o vídeo se tratava de uma encenação, além de uma válvula seletora de combustível desconectada que aparece nas imagens.
  • Também foi questionado o motivo pelo qual a câmera voltada para o instrumento foi desligada pouco antes de o problema do motor ocorrer.

Veja o vídeo: