Embora não muito conhecido pelas pessoas, os ‘rios atmosféricos’ são faixas extensas de vapor de água que se concentram na atmosfera do nosso planeta, transportando umidade de uma região a outra. A existência destes rios contribui para a distribuição de água e tem uma conexão direta com o clima de determinadas regiões e até com desastres naturais. A seguir, confira mais informações sobre o fenômeno e conheça um dos maiores rios atmosféricos do mundo.

Leia mais:

publicidade

O que são e como se formam os rios atmosféricos?

Imagem: NOAA

Nas aulas de Geografia, somos apresentados constantemente ao conceito de atmosfera, que é um conjunto de camadas gasosas que circundam o nosso planeta e até auxiliam na nossa proteção contra raios ultravioletas, dentre outras funções. Na camada mais baixa, chamada de troposfera, ocorre diferentes fenômenos meteorológicos, o que inclui a formação de rios atmosféricos.

Os rios atmosféricos, também denominados de “corredores de umidade”, são faixas extensas de vapor de água que se formam na atmosfera terrestre e que transportam grandes quantidades de água para diferentes regiões. Eles são formados, basicamente, quando a água de oceanos tropicais é evaporada: o ar quente e úmido começam a se elevar e levam consigo grandes quantidades de vapor de água.

publicidade

Uma vez que o vapor atinge altitude suficiente, é transportado pelas correntes de vento e levado de um canto a outro. Durante o seu percurso no ar, estas massas úmidas de ar encontram regiões frias, o que contribui para o processo de condensação. Então, começam a liberar água espontaneamente na forma de chuva ou neve, o que pode abastecer diferentes armazenamentos de água (rios, lagos, aquíferos), contribuir para amenizar climas mais secos e quentes, e detém um papel fundamental no controle da temperatura do ambiente.

Qual o maior rio atmosférico do mundo?

praia de los angeles
Reprodução: Dane Deaner/Unsplash

Os rios atmosféricos são um fenômeno que ocorrerem naturalmente em todo o planeta, contudo, podem estar mais concentrados nas regiões compreendidas nos trópicos e polos terrestres. Dessa forma, lugares na América do Norte, Europa e alguns países da Ásia parecem ser os que possuem a maior concentração dos rios atmosféricos.

publicidade

Dentre as maiores concentrações de rios atmosféricos, é possível citar o Pineapple Express, concentrado na região oeste da costa dos Estados Unidos. Segundo os dados colhidos por um satélite (veja aqui), esta faixa de vapor de água é responsável pelo abastecimento de água desta região dos EUA, o que influencia diretamente no abastecimento de rios. Ainda de acordo com os detalhes trazidos pela pesquisa, este rio atmosférico viaja cerca de 4.800 quilômetros, levando a umidade do Havaí direto para a costa oeste estadunidense.