Os insetos são seres vivos que fazem parte do mundo animal, mas, claro, cada um deles possui as suas próprias particularidades, uma delas é o tempo de vida. Em relação a isso, muitas pessoas têm a curiosidade de saber qual inseto vive mais tempo e qual vive menos.

Leia mais:

Como é o ciclo da vida dos insetos?

Antes de obter a resposta sobre o tempo de vida dos insetos, é muito importante entender um pouco sobre como funciona o ciclo da vida deles. Estes animais passam primeiramente pela fase jovem, na qual podem ser uma finda ou uma larva.

Nesse período, o inseto não tem asas e o aparelho reprodutivo dele ainda não está desenvolvido. É nesse momento que eles iniciam a fase de crescimento e passam pelo processo de troca do exoesqueleto (a “armadura” que eles têm no corpo).

publicidade

Depois disso, eles chegam já à fase adulta, na qual estão com as asas e aparelho sexual desenvolvidos. Neste momento, eles não crescem mais e o foco é apenas reproduzir a espécie.

Qual inseto vive mais?

Inseto
Imagem: Freepik

O besouro Buprestis aurulenta é o inseto que teve a vida mais longa. De acordo com o site IFMG com Ciência, este inseto vive mais de 50 anos. Neste período, a maior parte da sua existência é na fase larval, ou seja, se desenvolvendo.

Se levarmos em consideração apenas a fase adulta do besouro Buprestis aurulenta, quem vence essa disputa do inseto que vive mais tempo é a rainha da formiga Lasius niger, que consegue alcançar os 29 anos. Neste período, ela tem como função apenas colocar ovos para chegar novos membros ao formigueiro.

Qual inseto vive menos?

Inseto
Imagem: Freepik

Seguindo a mesma lógica de raciocínio anterior, a mosca tsé tsé (Gênero Glossina) é a quem ganha o título de vida mais curta na fase larval. Isso por que após ela nascer, se transforma imediatamente em pupa, indo direto para a fase de transição entre a larva e a vida adulta. Isso dura apenas alguns minutos. No entanto, a vida adulta dela é mais demorada, chegando até a quatro anos.

Por outro lado, quem tem uma vida mais curta na fase adulta, é a classe de insetos efeméridas, pois vive apenas algumas horas. Elas não têm o aparelho bucal funcional. Por isso, não se alimentam e o foco delas é apenas reproduzir no pouco tempo que possuem.

Nesse grupo, quem vive menos ainda é a espécie Dolania americana, que sobrevive por apenas cinco minutos, que é o tempo no qual ela consegue um macho, tem a relação sexual e coloca os ovos na água. No entanto, na fase larval eles vivem entre um a dois anos.

Insetos são registrados até os dias de hoje

É muito importante ressaltar que os insetos fazem parte do grupo mais numeroso dos seres vivos e até hoje são registradas novas espécies. Por isso, podem haver outro animal que vive mais tempo ou que possivelmente vive menos.