A série Os Simpsons é uma das mais longevas do mundo, com 35 temporadas (e contando). Além disso, é famosa por prever o futuro. Mas uma nova descoberta de um caixão aponta que talvez os antigos egípcios é que tenham antecipado a famosa produção há cerca de 3.500 anos.

Leia mais

publicidade
Figura representada lembra uma das personagens de “Os Simpsons” (Imagem: Fox/Divulgação)

Marge Simpson era uma múmia egípcia?

  • Pesquisadores localizaram um caixão antigo com um desenho, no mínimo, inusitado.
  • Os traços lembram (e muito) a personagem Marge Simpson.
  • A descoberta foi feita no final do ano passado em um cemitério de 3.500 anos em Minya, no atual Egito.
  • A equipe responsável por desenterrar o material acredita que o caixão tenha pertencido a altos funcionários e sacerdotes do Novo Reino de 1550 a.C. a 1069 a.C.
  • A múmia ali enterrada seria Tadi Ist, filha do Sumo Sacerdote de Djehouti em Ashmunein.
Caixão encontrado no Egito intrigou os pesquisadores (Imagem: Ministério de Turismo e Antiguidades do Egito)

Desenhos são comuns em caixões egípcios

Os pesquisadores explicam que os caixões do antigo Egito apresentavam esculturas e pinturas detalhadas dos falecidos, divindades e cenas do “Livro dos Mortos”, feitiços usados ​​para ajudar os mortos na vida após a morte, de acordo com thearcheologist.org.

A tampa superior de um dos caixões recentemente descobertos no Médio Egito mostra uma mulher de cor amarela, vestida com roupas verdes e algo azul na cabeça, que alguns compararam à Marge Simpson. Apesar das semelhanças, não se sabe qual figura antiga teria sido representado neste desenho.

publicidade

Novos estudos serão realizados agora para tentar descobrir mais sobre a história do caixão e da múmia enterrada ali. Quem sabe assim podemos descobrir se a série Os Simpsons é, na verdade, uma invenção egípcia.