Carros e Tecnologia

Carros elétricos

Reino Unido acelera planos e vai banir carros a combustão em 2035

Rafael Rigues, editado por Cesar Schaeffer 05/02/2020 11h06
Compartilhe com seus seguidores
A A A

A partir desta data, todos os veículos novos deverão ser híbridos ou elétricos. Modelos a combustão ainda poderão ser vendidos como usados

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, anunciou nesta terça-feira que o governo do Reino Unido irá banir a venda de novos veículos movidos exclusivamente à combustão a partir de 2035, cinco anos antes do originalmente programado.


De acordo com os planos, a partir desta data todos os novos veículos deverão ser híbridos ou totalmente elétricos. “Não há maior responsabilidade do que proteger nosso planeta”, disse Johnson, e “nenhuma missão que uma Grã-Bretanha global tenha mais orgulho em servir”.

O plano não elimina totalmente os veículos à combustão das ruas do Reino Unido, já que eles ainda poderão ser vendidos como usados. Outros países já anunciaram medidas semelhantes: a França quer eliminar os carros tradicionais até 2040. Na Holanda o limite é 2030, e o governo anunciou recentemente um programa de subsídios para incentivar a adoção dos elétricos. Já a Noruega é o país com o cronograma mais agressivo, 2025.

A demanda por veículos elétricos no Reino Unido vem aumentando, mas ainda assim, os movidos à combustão ainda representam 90% do mercado total.

Fonte: CNet

Carro elétrico carros elétricos Carro elétrico Noruega França Inglaterra Holanda veículos elétricos veículo elétrico
Compartilhe com seus seguidores
Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você