Cinema e Streaming

Apple TV Plus

Apple TV+: tudo sobre o novo serviço de streaming de vídeo

Rafael Rigues, editado por Daniel Junqueira 01/11/2019 11h11
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Novo serviço de streaming de vídeo da Apple estréia hoje apostando em séries exclusivas e preço baixo. Mas será que vale a pena?

A disputa pelo mercado de streaming de vídeo acabou de ficar mais acirrada. Entrou hoje (1) no ar o Apple TV+, serviço da Apple que vem para concorrer com o Netflix, Amazon Prime Video, HBO Go e, em breve, Disney+.


A Apple está apostando em produções próprias, com grandes nomes da TV e do cinema, um preço bem em conta e até mesmo assinaturas grátis para atrair espectadores. Quer saber como experimentar? Basta seguir este nosso guia completo.

Onde assistir?

Há várias formas de assistir às séries na Apple TV+. Você pode, obviamente, usar um iPhone ou iPod Touch com o iOS 12.3 ou superior, um iPad com o iPadOS ou um Mac rodando o mac OS Catalina. Também é possível usar um dos Amazon Fire, concorrentes do Chromecast que plugam direto na televisão. No exterior, algumas Smart TVs da Samsung também tem um app para acessar o serviço. Por fim, você também pode assistir via navegador, como o Safari, Firefox ou Chrome.

Quanto custa?

Essa é a parte mais interessante: no Brasil a mensalidade do Apple TV+ é de apenas R$ 9,90, menos do que o cobrado nos EUA (US$ 4,99, cerca de R$ 19,90) o que concorrentes como o Netflix (a partir de R$ 21,90). É o mesmo preço cobrado pela Amazon por uma assinatura do Prime Video (que, no entanto, tem um catálogo maior).

-> Conteúdo 'não exclusivo' é cobrado à parte no Apple TV+

Uma assinatura dá direito ao compartilhamento da conta com até outras cinco pessoas (através do Compartilhamento Familiar). Os usuários podem baixar episódios para assistir mais tarde, e todo o conteúdo está disponível em 4K com som em Dolby Atmos.

Dá pra assistir de graça?

Sim. Novos assinantes tem direito a um período de uma semana de acesso gratuito. Caso a assinatura não seja cancelada até o fim do período, passa a entrar em vigor a cobrança de R$ 9,90 mensais.

E quem comprou um aparelho da Apple (seja iPhone, iPod, iPad ou Mac) após 10 de setembro deste ano tem direito a 1 ano de acesso gratuito ao serviço. Basta abrir o app da Apple TV+ no aparelho, clicar no botão que diz “Aproveite 1 ano grátis” e seguir as instruções.

Estudantes que tem uma assinatura do Apple Music também ganham acesso gratuito ao Apple TV+, sem cobrança adicional na mensalidade.

Reprodução

The Morning Show, uma das séries da Apple TV+

O que tem no catálogo?

O catálogo é o principal “problema” do Apple TV+. O ponto de destaque é que todas as séries disponíveis são exclusivas ao serviço e grandes produções com atores como Jason Momoa, Reese Whiterspoon, Jennifer Aniston e Steve Carell. Também há conteúdo exclusivo da Vila Sésamo (Helpsters) e uma nova série do Snoopy (Snoopy in Space), produzida em conjunto com a NASA para celebrar os 30 anos da chegada do homem à Lua.

-> Confira as principais séries e filmes do Apple TV+

O problema é que… não há muito mais do que isso. No total o catálogo conta com apenas 9 títulos: See, The Morning Show, Dickinson, For All Mankind, Helpsters, Snoopy in Space, Ghostwriter, The Elephant Queen e Oprah Winfrey. Mas a Apple promete novas séries todo mês, incluindo um thriller de M. Night Shyamalan chamado Servant.

Ao contrário da Netflix, que lança temporadas inteiras de uma série de uma vez só, a Apple lançará novos episódios de suas séries semanalmente Os episódios tem legendas para surdos e deficientes auditivos, descrição de áudio em oito idiomas e dublagem ou legendas em quase 40 idiomas.

Cuidado com a "pegadinha"!

Vale lembrar que o catálogo de filmes e séries do Apple TV não está incluso na assinatura do Apple TV+. Ou seja, se você quiser assistir a Vingadores, Capitã Marvel, Two and a Half Men ou The Office, terá de comprar (ou alugar) os vídeos separadamente. Sim, também achamos isso bastante confuso.

Reprodução

Apple da Apple TV+ no iPhone

Vale a pena experimentar?

Se as séries no catálogo lhe interessam, vale sim. Especialmente se você tem um “iDevice” novo, porque aí o custo é zero. Mesmo que você opte por uma assinatura mensal, o valor de apenas R$ 9,90 torna o serviço muito atraente, já que hoje em dia não há muitas opções de entretenimento por esse preço.

Mas não espere um substituto do Netflix ou Amazon Prime Video, pelo menos não tão cedo. A Apple está adotando uma estratégia de “devagar e sempre”, construindo aos poucos um catálogo com títulos de qualidade. Se você procura quantidade, é melhor dar uma olhada na concorrência, mas se busca exclusividade e novidade, o que são 10 reais hoje em dia?


Apple Streaming Apple TV Netflix disney+ Filmes&Series HBO GO prime video Apple tv+
Compartilhe com seus seguidores
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você