Anticoncepcionais podem amenizar sintomas da Covid-19, diz estudo

O responsável é o estrogênio, hormônio feminino que passa a ser menos produzido após a menopausa; artigo científico ainda precisa ser revisado por pares

Nina Gattis, editado por Daniel Junqueira 07/08/2020 16h59
Anticoncepcionais
A A A

De acordo com um estudo feito por cientistas da King’s College de Londres, no Reino Unido, mulheres que tomam pílulas anticoncepcionais têm 13% menos chances de desenvolver sintomas graves quando infectadas pelo coronavírus.


Para o estudo, realizado entre maio e junho deste ano, os pesquisadores analisaram os dados de mais de meio milhão de mulheres do Reino Unido, todas cadastradas no Covid Symptom Study (Estudo de Sintomas da Covid, em tradução para o português), um aplicativo desenvolvido justamente para rastrear casos da doença.

O estudo mostrou que as taxas elevadas de estrogênio, o hormônio feminino, podem ser as responsáveis pelo efeito protetor que ameniza os sintomas da Covid-19. Isso explicaria por que os homens no geral e as mulheres na pós-menopausa - ou seja, com, em média, mais de 45 anos - são os mais afetados.

Reprodução

A menopausa provoca ondas de calor momentâneas. Imagem: Reprodução

Por isso, mulheres entre 45 e 50 anos apresentaram maior risco quando infectadas e relataram sintomas mais graves, como anosmia - a perda do olfato -, febre e tosse persistente, o que levou esse grupo a apresentar maior necessidade de tratamento hospitalar com oxigênio se comparado às demais mulheres.

Enquanto isso, mulheres de 18 a 45 anos contaminadas pelo coronavírus relatam sintomas mais amenos da doença, bem como uma taxa de hospitalização muito menor.

Ainda segundo o estudo, o estrogênio interage com o sistema imunológico, influenciando na quantidade de células que essa barreira produz como reação às infecções que afetam o corpo - daí a hipótese de que é, de fato, o hormônio feminino que pode auxiliar pessoas com Covid-19 ao atenuar os sintomas.

Vale lembrar, no entanto, que o estudo ainda não foi revisado por pares e que, portanto, ainda não possui comprovação científica. A pesquisa foi publicada na plataforma MedRxiv, que distribui pré-publicações de artigos científicos.

Via: Seleções


Confira em tempo real a COVID-19 no Brasil:



anticoncepcional coronavirus covid19 sintomas infectados
Assinar newsletter
Assine nossas newsletters e receba conteúdos em primeira mão
enviando dados - aguarde...
Parabéns! Sua assinatura foi recebida com sucesso!
Atenção: Em instantes você receberá um email de confirmação da assinatura. Para efetivá-la, clique no link de confirmação que você receberá. Verifique também sua caixa de SPAM, pois por se tratar de um email automático, seu servidor de emails poderá identificar incorretamente a mensagem como não solicitada.
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar a extensão Olhar Digital Ofertas em seu navegador!.

Recomendados pra você