placa frança coronavírus

Com 16 anos, francesa é a mais jovem vítima fatal do novo coronavírus

Renato Mota, editado por Cesar Schaeffer 27/03/2020 12h03
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Sem qualquer histórico de doenças, a adolescente sentiu os primeiros sintomas na semana passada, foi internada na segunda (23) e faleceu na quarta (25)

Julie era uma estudante do Ensino Médio na região de Essonne, a pouco mais de 40 km de Paris. Na semana passada, ela apresentou uma tosse leve, quadro que foi piorando conforme se aproximava o fim de semana. Na segunda-feira (23), ela foi com a irmã e a mãe para um médico, e foi diagnosticada com dificuldade respiratória em decorrência do novo coronavírus.


Apesar de não ter qualquer histórico de doenças, a situação começou a se agravar de maneira muito rápida. Hospitalizada pela primeira vez em Longjumeau, Julie foi transferida durante a noite para o hospital Necker, em Paris. Assistida por um aparelho de respiração, ela foi intubada na terça-feira (24) à noite. Mas seus pulmões falharam, e na madrugada da quarta (25), Julie tornou-se a pessoa mais jovem a morrer por conta da Covid-19 na França.

“Precisamos parar de acreditar que isso afeta apenas os idosos. Ninguém é invencível contra esse vírus”, afirmou sua irmã mais velha, Manon, em entrevista ao Le Parisien por telefone da casa onde ela está confinada com sua mãe. O funeral de Julie acontecerá na segunda-feira (30) "com dez pessoas no máximo", e uma homenagem está sendo planejada em sua escola para o dia 4 de maio, quando inicia (ou iniciaria) o ano letivo.

Pais dos outros alunos, notificados por e-mail, estão pedindo apoio psicológico para seus filhos. “Como outros, minha filha está dormindo muito mal desde essa notícia terrível. É absolutamente essencial que todos possam ser ajudados psicologicamente, caso contrário, eles entrarão em depressão”, disse uma mãe ao Le Parisien.

As autoridades francesas disseram na quinta-feira (26) que 365 pessoas haviam morrido pela Covid-19 nas últimas 24 horas, elevando o total de pessoas que morreram na pandemia do novo coronavírus no país para 1.696. A França está em quarentena (lockdown) desde 17 de março, mas o governo alerta que levará tempo para que as medidas tenham efeitos perceptíveis.

Mais de 29 mil pessoas testaram positivo para o vírus até o momento em todo o país – mas o número real de casos provavelmente é muito maior, uma vez que só pacientes de alto risco estão sendo testados. Atualmente, 3.375 pacientes estão em terapia intensiva.

No Brasil, as secretarias estaduais de Saúde informaram, em sua última atualização na manhã desta sexta-feira (27), 3.027 casos confirmados do novo coronavírus. O número de mortes permanece em 77. Este é o maior pico de infectados em apenas 24 horas no País.

A maioria dos casos está concentrada na região Sudeste do país, com 1.665 casos confirmados da Covid-19. No Brasil, até o momento, a taxa de letalidade da pandemia do novo coronavírus é de 2,7%.

Via: Le Parisien/France24


Confira em tempo real a COVID-19 no Brasil:



Saúde França coronavirus epidemia covid19
Compartilhe com seus seguidores
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você