Como descobrir o que está deixando seu PC lento e melhorá-lo

Você já deve ter notado que ao utilizar o seu computador por muito tempo, ele começa a apresentar lentidão. Isso pode ser ocasionado por uma série de motivos, como o hardware que está ficando antigo ou até mesmo a falta de uma manutenção preventiva.

O Olhar Digital preparou uma seleção de dicas para que você consiga identificar por que a máquina está lenta, além de recomendações para mantê-la com um bom desempenho.

Pouca memória

Uma das principais causas das lentidões é a pouca memória disponível na máquina. Até pouco tempo, se você tivesse 4GB de RAM, os programas seriam executados sem grandes problemas. Mas cada vez que um aplicativo recebe uma atualização, ele acaba ficando mais pesado e precisa de mais memória para que os novos recursos sejam executados.

Para verificar se há memória livre, pressione a combinação “Ctrl+Shift+Esc” e, se a informação de memória não for exibida, clique em “Mais detalhes”, que está no canto inferior esquerdo da janela.

Reprodução

Conforme a imagem acima, ao lado da lista de aplicativos e processos em execução, a segunda coluna mostra o quanto da memória está sendo consumida. Monitore esses níveis enquanto usa o PC, e se eles ficarem constantemente acima de 80%, você estará com problemas de lentidão.

Para solucionar este problema, identifique na lista se é algum aplicativo específico ou serviço que está consumindo mais memória que os outros, e tente substitui-lo por algum similar. Se ainda assim a máquina continuar lenta, é bom considerar comprar um pente de memória para o computador.

Memória virtual

Esse é um recurso que já está em uso há muito tempo pelo Windows. Ele funciona para que máquinas que estejam com pouca memória, usem o espaço em um disco rígido emulando uma memória. Por padrão, o recurso não consegue oferecer a mesma velocidade que uma memória convencional, mas existem algumas configurações que podem ser feitas para melhorar a situação.

Para verificar como está configurada a sua memória virtual, siga estes passos:

  1. Abra o Windows Explorer e dê um clique com o botão direito em “Este computador”. Então, clique em “Propriedades”;

    Reprodução
  2. Agora, vá em “Configurações avançadas do sistema”;

    Reprodução
  3. Em desempenho, clique em “Configurações...”;

    Reprodução
  4. Agora, siga para aba “Avançado”, e em “Memória virtual, clique em “Alterar”.

    Reprodução

Na parte de baixo da tela estarão os dados atualmente configurados. Se necessário, desmarque a opção de gerenciamento automático da memória virtual, e então, no campo dos valores aumente-os.

Reprodução

Utilize essa opção com cuidado. Se você colocar um valor muito fora do padrão adotado, a máquina continuará lenta. Portanto, tente se manter próximo do valor configurado pelo próprio Windows. Uma dica para colocar de valor máximo, é usar a fórmula: 1024x”Quantidade de memória RAM”x2.5.

Em caso de problemas ou dúvidas, volte para as configurações automáticas do Windows.

Arquivos temporários

Ao utilizar a máquina, seja para navegar na internet, fazer um trabalho ou jogar um jogo, você está gerando arquivos temporários, que com o tempo passam a ocupar um espaço considerável na máquina, além de deixa-la um pouco lenta.

Caso você procure uma solução mais robusta, é possível usar um aplicativo como o CCleaner para fazer esta limpeza. Além dele trazer opções para limpar os dados dos programas mais populares, ele também faz a limpeza dos arquivos gerados pelo Windows.

Vale lembrar que o Windows também possui uma ferramenta para limpeza de disco, mas esta ferramenta é simples e não libera tanto espaço quanto o CCleaner. Se ainda assim deseja utilizá-la, siga os passos a seguir:

  1. No Menu Iniciar, procure por “Explorador de Arquivos”;

    Reprodução
  2. Com um clique direito no “Disco local (C:)”, vá em “Propriedades”;

    Reprodução
  3. Clique em “Limpeza de disco”, e por fim, marque os itens que deseja excluir e clique em “Limpar disco”.

    Reprodução

Serviços do Windows

O Windows inicia muitos serviços junto com a máquina, e alguns deles podem ser desnecessários dependendo do que usamos no computador.

Por padrão, existem três status importantes para a inicialização de cada serviço: automático, manual e desativado. Os serviços que você não utiliza com frequência, podem ficar em manual, que assim eles só iniciarão quando você for fazer algo que dependa deles. Outros que você não utilizará nunca, podem ser desativados, mas recomendamos que opte pelo manual.

Veja nos passos abaixo como ver a lista de serviços na sua máquina e alterar seu status:

  1. No “Menu Iniciar”, procure por “Serviços” e abra-o;

    Reprodução
  2. Ao selecionar um deles, confira a descrição do que ele faz. Se desejar alterá-lo, clique com o botão direito no nome dele e acesse a opção “Propriedades”;

    Reprodução
  3. Na nova janela, em “Tipo de inicialização”, selecione qual será o seu novo Status. Agora clique em “Aplicar”, e então em “OK”.

    Reprodução

Programas iniciados com a máquina

Além dos serviços, outro item importante que pode deixar a máquina lenta durante a sua inicialização são os programas que estão instalados em sua máquina. Para verificar quais programas estão nessa lista e removê-los da sua inicialização, siga esses passos:

  1. Em qualquer lugar do Windows, aperte junto as teclas “Ctrl+Shift+Esc”;
  2. Acesse a guia “Inicializar”, e você verá uma lista dos aplicativos que iniciam junto com o Windows. Caso tenha algum que você não queira, selecione-o e clique em “Desabilitar”.

    Reprodução

Nesta tela, note que na última coluna o Windows informa qual o impacto do programa na inicialização da máquina. Se for alto, por exemplo, isso significa que ele faz a máquina demorar mais que o comum para iniciar.

Serviço Superfetch

O Windows possui um recurso chamado Superfetch, que apareceu pela primeira vez no Windows Vista. A ideia dele é deixar os programas mais utilizados pré-carregados na memória RAM para que ao abrirmos, eles já carreguem mais rápido.

Entretanto, apesar desta funcionalidade ser realmente útil, em algumas máquinas mais antigas ela causa lentidão e tem um alto consumo de disco. Se este for o seu caso, siga os passos de desabilitar serviços deste tutorial procurando o item “Superfetch” na lista.

Desabilitar efeitos visuais

O Windows, por padrão, vem com a maioria dos efeitos visuais habilitados. Apesar de darem uma boa aparência ao sistema, isto te um preço, o desempenho. No caso de máquinas que tem pouca memória ou uma placa de vídeo integrada, a lentidão pode incomodar.

Veja como desabilitar os efeitos visuais do Windows com os passos a seguir:

  1. No “Menu Iniciar”, procure por “Explorador de arquivos”;
    Reprodução
  2. Clique com o botão direito em “Este computador”, e então em “Propriedades”;

    Reprodução
  3. Agora, vá até “Configurações avançadas do sistema;

    Reprodução
  4. Em desempenho, clique em “Configurações...”;

    Reprodução
  5. Marque a opção “Ajustar para obter um melhor desempenho”. Por fim, clique em “Aplicar” e em “OK”.

    Reprodução

Compras para o Natal? Não deixe de conferir a extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ