Hackers usam perfis falsos no Facebook para espalhar malware

Os usuários do Facebook precisam ficar atentos. Pesquisadores da Avast descobriram um spyware disfarçado de um aplicativo chamado Kik Messenger, desenvolvido para roubar informações das vítimas. Aparentemente, o golpe foi aplicado principalmente no Oriente Médio, mas outros países como Estados unidos, França, Alemanha e China registraram vítimas.

Os cibercriminosos usavam contas falsas, normalmente com imagens de mulheres atraentes, entravam em contato com a vítima via Messenger e incentivavam o usuário a baixar um outro aplicativo de bate-papo para continuar as conversas. A pessoa acabava baixando um aplicativo falso do Kik Messenger que contém um malware de espionagem.

Segundo a Avast, o malware foi dividido em diferentes módulos com comandos específicos e criados para roubar informações das vítimas, como contatos, registros de chamadas, SMS, fotos, dados do dispositivo do usuário, geolocalização, além de obter acesso ao sistema de arquivos do aparelho infectado e gravar o áudio do aparelho.

Para evitar cair nesse tipo de golpe, a orientação é de que o internauta não falae com estranhos nas redes sociais, não abra links ou arquivos suspeitos que tenham sido enviados por e-mail ou mensagem e faça o download de aplicativos na loja dos smartphones.

Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ