Donald Trump

Senadores questionam Trump sobre uso de Android antigo

Juliana Américo 14/02/2017 12h30
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Dois senadores democratas estão questionando a segurança do smartphone de Donald Trump após a confirmação de que o presidente continua usando o seu antigo celular, um Galaxy S3, ao invés de trocá-lo por um aparelho criptografado oferecido pela Casa Branca.


Os senadores Claire McCaskill e Tom Carper enviaram para o secretário de Defesa, James Mattis, uma carta com uma série de perguntas sobre os hábitos de uso do aparelho e se as agências de segurança norte-americanas consideram o celular seguro. 

Segundo os senadores, as reportagens indicando que o presidente continua usando um celular desprotegido são preocupantes. "Embora seja importante que o presidente tenha a capacidade de se comunicar eletronicamente, é igualmente importante que ele o faça de maneira segura e que garanta a preservação dos registros presidenciais", diz a carta.

Com o smartphone desprotegido, hackers seriam capazes de acessar as mensagens, microfone, câmera e localização do usuário, além de possibilitar o rastreamento de informações confidenciais do governo. Além disso, considerando que as fabricantes lançam novas versões de seus smartphones a cada ano e que o Galaxy S3 não recebe mais atualizações da Samsung há mais de três anos, é razoável considerar que se trata de um celular "velho" e, portanto, ainda mais desprotegido do que um moderno.

McCaskill e Carper deram a Mattis um prazo para emitir uma resposta às suas preocupações. Não está claro, entretanto, se os senadores serão capazes de finalmente fazer com que Trump desista do seu Android.

Via The Verge

Segurança Android Smartphones Governo
Compartilhe com seus seguidores
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você