Chefe do Pokémon Go tem seu Twitter hackeado com pedidos do game no Brasil

John Hanke, desenvolvedor da Niantic e chefe do Pokémon Go, teve sua conta no Twitter hackeada no último domingo em protesto pelo jogo ainda não estar disponível no Brasil.

Reprodução

De acordo com o relatado no Twitter de Hanke, os responsáveis pelo ataque são do grupo ‘Our Mine’, que também já atacou a as contas de Mark Zuckerberg.

Os tuítes que anunciaram o ataque seguem ainda no perfil de Hanke no Twitter.

Via Kotaku

Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ