Ministério da Cultura vai destinar R$ 100 milhões para setor de games no Brasil

O Ministério da Cultura vai lançar nos próximos meses um programa para fomentar a produção de games no Brasil. O ministro Sérgio Sá Leitão afirmou no domingo, 9, durante o evento Game XP, no Rio de Janeiro, que o órgão prepara uma política pública para incentivar o setor no país.

De acordo com o ministro, o órgão vai destinar R$ 100 milhões para o setor. A ideia é que a verba seja usada para desenvolvimento e produção de jogos, de conteúdo em realidade virtual e aumentada, aceleração de empresas, mostras e festivais, formação e capacitação, e também para o lançamento de jogos.

O ministro vê o setor como promissor para jovens brasileiros. "O mercado de jogos seria uma alternativa criativa e atraente para aqueles entre 18 e 24 anos que se encontram desempregados."

Ainda segundo Sá Leitão, o novo edital que deve ser lançado em outubro vai valorizar a diversidade e recortes regionais: 50% dos projetos premiados vão ser de mulheres, 25% de negros e indígenas, 50% de iniciantes e 30% das regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste. Atualmente, as mulheres representam apenas 20% dos trabalhadores do setor, e 40% das empresas da indústria estão concentradas em São Paulo e Rio de Janeiro.

Sá Leitão divulgou dados do 2º Censo da Indústria Brasileira de Jogos Digitais com algumas informações interessantes sobre o mercado nacional: 946 jogos foram produzidos no Brasil durante o ano, sendo que 43% deles foram para celulares.

De acordo com a Folha, o ministro disse que o Brasil é atualmente o 13º maior produtor de games do mundo, ao mesmo tempo que tem a terceira maior população de jogadores do planeta, com 66 milhões de pessoas.

Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ