Nintendo reconhece que Switch vai continuar em falta no fim do ano

O sucesso do Switch impressionou até a Nintendo, e a empresa não garante que vá conseguir atender à demanda pelo console nos últimos meses do ano.

Em entrevista à Variety, o presidente da Nintendo of America, Reggie Fils-Aime, reconheceu que a empresa deve ter dificuldade em colocar unidades do Switch nas lojas no fim do ano, e que muita gente deve ficar sem conseguir comprar um.

A Nintendo planeja vender 10 milhões até o fim de 2017, e atualmente o foco da empresa está em atingir esse número. Mas, se a demanda for superior a isso, o executivo não garante que a Nintendo consiga colocar mais aparelhos nas lojas.

"Certamente a demanda existe, e nossa cadeia de fornecimento está pronta [para produzir 10 milhões de consoles]", disse Reggie. "Vamos ter o suficiente para o fim do ano? É nisso que estamos focados", explicou o executivo.

Desde que foi lançado, em março, o Nintendo Switch sofre com constantes faltas de estoque. A Nintendo reconhece a dificuldade em atender à demanda pelo console, mas pelo jeito está longe de solucionar completamente o problema. Até o fim de 2017, ao menos, vai ser bem difícil conseguir comprar um Switch.

A BlackFriday está chegando. Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ