Smartphone gamer da Razer pode vir com 8 GB de RAM

A Razer é uma marca conhecida por acessórios para games, PCs e laptops. Mas no dia 1 de novembro, a empresa deve anunciar seu primeiro smartphone. Detalhes vazados nesta semana indicam que o aparelho deve vir com potência máxima para aguentar até os jogos mais pesados do mercado mobile.

O site PhoneRadar descobriu uma listagem de um suposto "Razer Phone" no GFXbench, uma plataforma de testes de desempenho. De acordo com os dados indicados ali, o celular da Razer deve vir com processador Snapdragon 835, o mais potente da Qualcomm no momento, e nada menos do que 8 GB de RAM.

Além disso, a tela teria resolução 2K (2.560 por 1.440 pixels) com 5,7 polegadas na diagonal e a tradicional proporção 16:9. Ou seja, nada de seguir o design do iPhone X ou do Galaxy S8 por enquanto. A unidade de processamento gráfico seria uma Adreno 540, com suporte ao DirectX 12 e ao Vulkan, da Nvidia. O sistema operacional seria uma versão modificada do Android 7.1.

A lista do GFXbench também indica a existência de 49 GB de espaço interno no aparelho. O número é pouco comum, o que deve significar que o celular vem com 64 GB, mas 15 GB estão ocupados pelo sistema e apps pré-instalados no modelo testado. A câmera traseira deve ser de 12 MP, enquanto a frontal deve ter 8 MP.

No início do ano, a Razer comprou a fabricante de celulares Nextbit, responsável pelo aparelho Robin, um celular Android focado no armazenamento na nuvem. É possível que a unidade esteja por trás da fabricação do novo modelo que, segundo a Razer, será "o maior lançamento da empresa de todos os tempos".





RECOMENDADO PARA VOCÊ