Asus lança Zenfone 4 Max, um intermediário com bateria de 5.000 mAh

A Asus anunciou nesta semana um novo smartphone para seu portfólio internacional: o Zenfone 4 Max. Trata-se do sucessor do Zenfone 3 Max, do ano passado, incluindo especificações de nível intermediário e uma bateria de longa duração, como o antecessor.

O Zenfone 4 Max foi anunciado apenas na Rússia e ainda não tem previsão para chegar ao Brasil. A bateria é de 5.000 mAh, um pouco maior que a do Zenfone 3 Max e uma das maiores do mercado nessa categoria. Já o processador pode ser um Snapdragon 425 ou Snapdragon 430, dependendo de quanto o consumidor quiser pagar na hora da compra.

Do mesmo modo, outras especificações também são variáveis dependendo da versão que o usuário quiser comprar. Memória interna, por exemplo, pode ser de 16 GB, 32 GB ou 64 GB. O mesmo vale para a memória RAM, que pode ser de 2 GB, 3 GB ou até 4 GB, segundo informações do site Phone Arena.

O restante das características são iguais em qualquer uma das opções de preço. Como a tela, por exemplo, que é de 5,5 polegadas e resolução Full HD; e as câmeras, que são de 13 MP (traseira, dupla) e 8 MP (frontal). O celular já sai da caixa rodando Android 7.0, com a tradicional interface customizada da Asus chamada ZenUI.

Na Rússia, único país que vende o Zenfone 4 Max por enquanto, o aparelho na versão mais barata custa 13.900 rublos, o que equivale a pouco mais de R$ 770 em conversão direta. Como referência, o Zenfone 3 Max, que vem com bateria de 4.100 mAh, chegou ao Brasil no ano passado custando entre R$ 1.000 e R$ 1.300, dependendo das especificações escolhidas.

Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ