Ciber Ataques

Brasil é segundo país que mais recebe ataques de ransomware

Roseli Andrion 18/06/2019 19h06
Compartilhe com seus seguidores
A A A

A conclusão é de um relatório da Trend Micro, que analisa o panorama mundial das ameaças cibernéticas

No contexto mundial de ameaças virtuais, o Brasil tem ficado em posições de destaque em diversas situações. Desta vez, o país está em segundo lugar no ranking de países mais afetados por ransomwares, com 10,64% das ameaças globais.


A conclusão é do relatório “Fast Facts”, da Trend Micro, que analisa o panorama mundial das ameaças cibernéticas. O Brasil vem logo atrás dos EUA, que têm 11,06%. Índia, Vietnã e Turquia vêm logo em seguida, com 10,30%, 8,12% e 3,78%, respectivamente.

De acordo com a Trend Micro, o total global de ransomwares é de 1,8 bilhões (e inclui ameaças vindas por e-mail, URLs e arquivos) no período de janeiro de 2016 a março de 2019. As melhores formas de prevenção são manter os sistemas de segurança atualizados, fazer o backup dos dados e utilizar soluções de proteção digital em camadas.

Outras ameaças

No ranking de ameaças por e-mail, o Brasil fica em terceiro lugar, atrás de China e EUA. Nesse tipo de golpe, a vítima é enganada por um e-mail falso — altamente personalizado para parecer o mais real possível.

Outro golpe que ainda afeta muitos usuários é o de URLs maliciosas. Segundo a Trend Micro, uma única URL maliciosa tem o potencial de atingir mais de 12 brasileiros. Os malwares também representam uma fatia importante: quase 1.600 deles já foram detectados pela empresa.

Nos celulares, o perigo são os apps maliciosos. Das mais de 1,2 milhões de opções avaliadas pela Trend Micro, mais de 13 mil se enquadram nessa categoria.

 

ataques virtuais ransomware ameaças virtuais
Compartilhe com seus seguidores
Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você