Carrie Fisher, a Princesa Leia de 'Star Wars', morre aos 60 anos

A atriz estadunidense Carrie Fisher, que ficou famosa por seu papel como a Princesa Leia Organa na trilogia original de "Star Wars", morreu na tarde de hoje, 27, aos 60 anos de idade por conta de complicações decorrentes de um ataque cardíaco.

O ataque cardíaco aconteceu durante um voo entre Londres e Los Angeles, na Califórnia. A atriz recebeu atendimento no avião 15 minutos antes do pouso e depois foi levada para o centro médico da UCLA, onde ficou internada na UTI por um dia. No entanto, ela não resistiu aos danos causados pelo infarto. Fisher deixou uma filha.

Até as estrelas

Fisher começou sua carreira em 1973, aos 17 anos, no musical da Broadway "Irene", estrelado por sua mãe, Debbie Reynolds. Seu primeiro papel no cinema viria dois anos depois, na comédia "Shampoo", dirigida por Hal Ashby.

No entanto, o maior motivo de reconhecimento de Carrie Fisher foi seu papel como a Princesa Leia Organa na trilogia original da série "Star Wars". Em 1977, ela participou do primeiro filme da saga a ser lançado: "Star Wars IV: Uma Nova Esperança", ao lado de Harrison Ford (como Han Solo) e Mark Hamill (Luke Skywalker).

Ela reprisaria esse papel nas sequências "O Império Contra-ataca (1980)" e "O Retorno do Jedi" (1983). Além deles, ela também apareceu no episódio mais recente da saga, "VII: O Despertar da Força", no qual assumia novamente a mesma personagem.

Além de atuar, Fisher também escreveu romances, peças de teatro e obras de não-ficção, incluindo a autobiográfica "Memórias da Princesa: os Diários de Carrie Fisher". Era esse livro que ela estava divulgando em Londres antes de pegar o voo.

Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ