Wi-Fi 6

Conheça as promessas do 'Wi-Fi 6' para sua rede doméstica

Bruna Lima, editado por Daniel Junqueira 28/08/2019 16h38
Compartilhe com seus seguidores
A A A

O grande upgrade de rede provavelmente chegará antes do 5G e irá oferecer velocidades rápidas e com maior alcance

O Wi-Fi 6 está chegando. O novo protocolo promete não só vai aumentar a velocidade de transferência de dados, mas também abranger uma área maior, lidar melhor com a multidão de pessoas em aeroportos e estádios e evitar interferências entre redes vizinhas. Para os dispositivos móveis, uma maior economia de bateria também dever ser um novo ganho.


Grandes empresas apostam em novos projetos que envolvam o Wi-Fi 6. Uma delas é Qualcomm, que exibiu na terça-feira (27) um quarteto de processadores que levarão o Wi-Fi 6 a uma nova linha de equipamentos de rede e várias parcerias.

-> Tudo sobre o Wi-Fi 6: as vantagens do novo padrão de redes sem fio

"Enquanto o 5G é o centro das atenções, o Wi-Fi 6 terá um impacto maior em nossas vidas conectadas - e mais cedo", disse Mike Feibus, analista da FeibusTech.

"O Wi-Fi é onipresente e amplamente aceito", disse Rahul Patel, líder da divisão de chips Wi-Fi da Qualcomm. Ele ressaltou que com mais dispositivos em nossas casas e atividades como jogos e streaming de vídeo colocando novas demandas nas redes, um engarrafamento de rede acaba acontecendo e é nessa demanda que a empresa deve focar daqui para frente.

Um dos maiores avanços do Wi-Fi 6 é o OFDMA (acesso múltiplo por divisão de frequência ortogonal) uma tecnologia impulsionadora de eficiência roubada de redes móveis. Além dele, o MU MIMO (abreviação de multiple user, multiple input, multiple output), e o 1024 QAM (modulação de amplitude de quadratura) também devem contribuir aumentando as taxas de transferência de dados em 30%.

Mas vá com calma. Antes de se animar com as promessas, lembre-se de que você não se beneficiará do Wi-Fi 6 em sua casa a menos que compre novos equipamentos de rede ou aguarde seu provedor de internet  atualizar o serviço. Mas, segundo Patel, isso não deve demorar. As deficiências atuais do Wi-Fi  vão forçar um investimento em equipamentos de rede doméstica e estimular a concorrência entre as operadoras.

Via: CNet

Wi-Fi Tráfego de dados wi-fi 6 Dados
Compartilhe com seus seguidores
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você