Empresa chinesa copia até o design do site da Tesla

Além da 'inspiração' na página da montadora norte-americana, a Xpeng ainda está sendo processada pela empresa de Elon Musk por supostamente roubar o código-fonte do Autopilot

Renato Mota 29/05/2020 14h05
Xpeng vs Tesla
A A A

Não é de hoje que pequenos fabricantes chineses copiam produtos de sucesso de marcas ocidentais. Mas, talvez, a montadora de carros elétricos Xpeng tenha ido longe demais. A empresa criou seu site com um design "fortemente inspirado" na página da Tesla.


Foto do carro de perfil, correndo contra um céu azul, sem nuvens, com o nome do veículo logo acima, e a marca no canto superior esquerdo da página. As semelhanças são bem claras. As principais estatísticas são exibidas abaixo do veículo, ao lado dos botões que trazem mais informações. Confira:

Reprodução

Acima, o site da Tesla mostrando o Model S; abaixo, a Xpeng e seu P7. Imagem: TNW/Reprodução

Esse caso ganha uma nova camada de estranheza quando lembramos que Tesla e Xpeng estão atualmente no meio de uma disputa judicial sobre seus sistemas avançados de assistência ao motorista: Autopilot e Xpilot.

Em 2019, a Tesla entrou na Justiça contra a Xpeng, alegando que a marca chinesa havia roubado partes do seu código-fonte do Autopilot. O alvo foi Guangzhi Cao, um antigo engenheiro da Tesla que agora trabalha para a Xpeng. A suspeita é que ele tenha baixado o código-fonte do Autopilot e o vendido para a empresa chinesa.

Cao nega as alegações, dizendo que baixou partes do código, mas o excluiu antes de começar a trabalhar na Xpeng. No ano passado, a Tesla reforçou sua ação depois de encontrar semelhanças entre este caso e um anterior, envolvendo um ex-engenheiro da Apple. Nas duas ações, a Tesla alegou que os indivíduos foram recrutados pela mesma pessoa com a premissa de obter segredos comerciais.

Empresas chinesas muitas vezes escapam dos processos por plágio: o governo do país, na prática, faz vista grossa às leis de violação de direitos autorais, e os produtos em questão geralmente não são vendidos fora da China. Então, é provável que nada aconteça com Xpeng copiando o site da Tesla. Já no caso do código-fonte do piloto automático, as coisas podem ser forçadas a mudar.

Via: The Next Web

China Plágio Tesla carros elétricos
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você