Facebook entra na mira de três órgãos federais dos EUA por vazamento de dados

O Facebook está na mira de três órgãos federais dos Estados Unidos. O Departamento de Justiça, a polícia federal (FBI) e a Comissão de Títulos e Câmbio dos Estados Unidos anunciaram que estão investigando juntos os casos de vazamento de dados da rede social.

Mais precisamente, os três órgãos estão trabalhando conjuntamente num inquérito sobre a Cambridge Analytica, uma empresa de marketing que teve acesso a dados de milhões de pessoas no Facebook por meio de um aplicativo aprovado pela rede social.

A investigação visa concluir se executivos do Facebook mentiram para o governo, para o público e para investidores a respeito do papel da empresa no caso desde que o escândalo de vazamento de dados pela Cambridge Analytica surgiu no noticiário em março deste ano.

Até agora, a investigação estava focada apenas na agência de marketing que capturou e utilizou indevidamente esses dados. Com o Facebook na mira, os órgãos federais querem saber se a rede social tentou reduzir sua parcela de culpa pelo escândalo.

Segundo o jornal The Washington Post, os investigadores também querem saber se os depoimentos que o CEO do Facebook, Mark Zuckerberg, cedeu à câmara de deputados e ao senado dos EUA foram suficientes e se ele não faltou com a verdade.

Em nota, o Facebook disse apenas que está cooperando com a investigação. Paralelamente a este inquérito, a rede social também é investigada pela Comissão Federal de Comércio (FTC, na sigla em inglês) sobre as suas práticas com relação à privacidade dos seus usuários.

Compras para o Natal? Não deixe de conferir a extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ