Queimadas na Amazônia

Fotos de satélites da Nasa mostram queimadas na Amazônia

Rafael Rigues, editado por Cesar Schaeffer 21/08/2019 16h42
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Enquanto isso, no Twitter, a hashtag #PrayForAmazonas (ou Reze pela Amazônia) é o assunto mais comentado do dia na rede social

Fotos feitas pelo satélite Aqua, da Nasa, e divulgadas pela agência espacial norte-americana esta semana mostram claramente o impacto das queimadas nos estados do Amazonas e Rondônia.


Nas imagens é possível ver um “corredor de fumaça” se espalhando por longas distâncias sobre o Brasil, levado pelos ventos. As “plumas” acinzentadas são as nuvens de fumaça gerada pelas queimadas, e as nuvens são os pontos brancos.

Aqua/NASA/Reprodução

Segundo dados do INPE, só em Rondônia o número de queimadas cresceu 190% entre Janeiro e Agosto deste ano, em comparação ao mesmo período do ano passado. No total já foram registradas mais de 53 mil queimadas nos estados da Regiâo Norte e Maranhão, contra 26.500 no mesmo período do ano passado, Ou seja, um aumento de 200%.

Mato Grosso é o estado mais afetado, com 13 mil queimadas no período. Mas a capital que mais sofre é Porto Velho, em Rondônia. Segundo as autoridades, o nível de Monóxido de Carbono (CO2) na atmosfera já começa a ameaçar a saúde da população. Segundo a Folha de São Paulo, nos últimos 10 dias mais de 380 crianças já foram atendidas com problemas respiratórios, o triplo da média.

Mas não é preciso ser da região Norte para sentir os efeitos das queimadas. Nesta segunda-feira (19/08) “anoiteceu” em São Paulo às 3 horas da tarde, resultado de uma combinação de nuvens pesadas vindas de uma frente fria com a fuligem das queimadas no norte do país. Em vários pontos da cidade moradores relataram que a água da chuva estava preta e com forte cheiro de “queimado”.

Indignação e preces no Twitter

Toda a devastação gerou comoção nas redes sociais. Hoje, no Twitter, a hashtag #PrayForAmazonas entrou nos Trending Topics. Segundo o serviço de análise TalkWalker, foram 651 mil conversas e 2,3 milhões de engajamentos nas últimas 48 horas, com um alcance potencial de 235 milhões de pessoas. Já a variante #PrayForAmazonia foi mencionada em mais de 31 mil conversas e teve mais de 60 mil engajamentos

A cantora IZA postou um vídeo com imagens de nosso planeta, alertando para o que pode acontecer nos próximos 30 anos se medidas não forem tomadas.

 

A “temporada de queimadas” na região norte geralmente vai até o início da primavera, no final de Setembro. Até lá, pelo jeito teremos muitos motivos para rezar.

Fontes: G1, BBC

redes sociais Twitter Nasa Satélites meio ambiente
Compartilhe com seus seguidores
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você