google

Google admite que desenvolvedores podem acessar conteúdo de e-mails do Gmail

Daniel Junqueira 21/09/2018 12h30
Compartilhe com seus seguidores
A A A

O Google admitiu que permite que terceiros acessem dados pessoais de usuários do Gmail. Em uma carta enviada ao Senado dos Estados Unidos, a empresa respondeu questionamentos de parlamentares norte-americanos sobre práticas adotadas para proteção de dados.


O documento foi assinado pela vice-presidente de assuntos governamentais do Google, Susan Molinari. A executiva reconheceu que o Google permite que desenvolvedores analisem o conteúdo de mensagens trocadas entre seus usuários em busca de palavras-chave que ajudem a entender melhor o comportamento das pessoas.

Esses desenvolvedores podem compartilhar essas informações, caso desejem, segundo a executiva. Molinari também disse que eles precisam ser transparentes com usuários sobre o uso dos dados pessoais. O Google fornece ferramentas para desenvolvedores acessarem informações sobre quais produtos são comprados por usuários, para onde eles viajam, e com quais contatos eles mais trocam mensagens.

A declaração é um pouco curiosa considerando que o próprio Google diz ter parado de vasculhar e-mails de usuários, ao mesmo tempo que ainda permite que terceiros tenham acesso às mensagens e ainda possam compartilhar os dados com quem desejar.

Ao The Wall Street Journal, o Google disse que não comentará nada além do que foi dito na carta enviada aos senadores dos Estados Unidos.

-> Conheça a história do Gmail
-> Como organizar a sua caixa de entrada no Gmail
-> Confira dicas para aproveitar melhor o Gmail

Google Gmail privacidade
Compartilhe com seus seguidores
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você