Google e Facebook adotam medidas contra fake news nas eleições brasileiras

Desde as alegações de que as notícias falsas compartilhadas em redes sociais influenciaram as eleições presidenciais dos Estados Unidos, em 2016, as empresas de tecnologia vêm trabalhando em soluções de combate às fake news. Agora, a preocupação é com as eleições presidenciais brasileiras e em outros países da América Latina.

No início da semana, o Engadget divulgou que o Facebook tirou do ar mais de 10 mil contas e páginas falsas no México e outros países latinos. A justificativa é de que as páginas violavam os padrões de comunidade da rede social e quebravam as “políticas sobre danos coordenados e comportamento não autêntico, bem como ataques baseados em raça, gênero ou orientação sexual”.

A rede social também deixou claro que a limpeza na plataforma é crucial para garantir que as corridas eleitorais na região não sejam prejudicadas.

Além disso, o Google Brasil anunciou, na última quinta-feira, 28, o lançamento da “Comprova” – uma espécie de coalizão entre a empresa, organizações e veículos de comunicação nacionais para verificar as notícias compartilhadas pelos internautas.

“A iniciativa é uma colaboração do First Draft, um projeto no Centro Shorenstein na Escola Kennedy de Harvard, Abraji (Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo), Projor (Instituto para o Desenvolvimento do Jornalismo), Associação Nacional de Jornais e 24 organizações jornalísticas. O projeto é fundamental dentro do escopo da Google News Initiative, que trabalha com redações do mundo todo para elevar a qualidade do jornalismo e combater o conteúdo enganoso”, diz o comunicado da empresa

O grupo produzirá recursos visuais compartilháveis para informar sobre a autenticidade dos boatos e os internautas poderão enviar sugestões sobre boatos e histórias que eles gostariam que fossem verificadas.

Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ