Google libera último beta do Android 11 antes do lançamento; veja o que muda

Versão já é considerada estável o suficiente para ser vista pelo Google como potencial candidata ao lançamento final

Renato Santino 06/08/2020 19h00
Android 11
A A A

O Google liberou nesta quinta-feira (6) a terceira versão beta pública do Android 11, que deve ser a última atualização experimental do sistema antes do lançamento oficial, que deve acontecer no dia 8 de setembro.


O Google já classifica essa versão como "release candidate", termo utilizado para versões ainda experimentais de um software, mas que tem boas chances de ser distribuída como final se não houver grandes sustos na fase final de testes. Assim, a empresa já considera que a versão provavelmente já é segura e estável para a maior parte do público e já conta com todos os recursos importantes para os desenvolvedores.

Como é comum nestes casos, não há grandes mudanças em relação ao Beta 2, de forma que o sistema ficou apenas mais seguro e estável. No entanto, o Google fez uma alteração importante para abrigar melhor os aplicativos de notificação de exposição à Covid-19, como o lançado pelo Ministério da Saúde recentemente, que utilizam o Bluetooth para rastrear pessoas contaminadas que se aproximaram do usuário do celular.

Os apps que utilizam esse sistema desenvolvido em parceria entre Apple e Google não podem coletar a localização do usuário. No entanto, no Android, ao ativar o Bluetooth, os usuários precisavam também ativar o GPS do celular, o que pareceu ir contra a proposta dos apps. A empresa explica que isso era resultado de um recurso de privacidade implementado em 2015: como o escaneamento Bluetooth poderia ser usado por beacons em lojas para monitorar a posição dos usuários, a empresa só permitia esse recurso para quem permitisse o compartilhamento de sua localização. Na época, ninguém poderia imaginar que o Bluetooth se tornaria uma ferramenta para combate de uma pandemia. Com o Android 11, o Google agora permite que os apps de rastreamento de exposição à Covid-19 usem o escaneamento por Bluetooth sem ativar o GPS do smartphone, mas isso será uma exceção; todos os outros aplicativos ainda terão esse requisito.

Com o Beta 3, os desenvolvedores também são alertados para que ajeitem seus aplicativos para torná-los compatíveis com todos os novos recursos, evitando queixas dos usuários. A agilidade tem se tornado mais importante, já que o ritmo de adesão às novas versões do Android está aumentando.

Quem já participa do Beta receberá uma notificação com a nova atualização. Quem ainda não faz parte e tem interesse de testar o novo Android pode se cadastrar no Android Beta Program por meio deste link, mas é necessário ter um celular compatível. Até o momento, apenas os smartphones Pixel a partir do Pixel 2 estão habilitados. A empresa também incluiu o recém-lançado Pixel 4a na lista de compatibilidade.

Google Android Android 11
Assinar newsletter
Assine nossas newsletters e receba conteúdos em primeira mão
enviando dados - aguarde...
Parabéns! Sua assinatura foi recebida com sucesso!
Atenção: Em instantes você receberá um email de confirmação da assinatura. Para efetivá-la, clique no link de confirmação que você receberá. Verifique também sua caixa de SPAM, pois por se tratar de um email automático, seu servidor de emails poderá identificar incorretamente a mensagem como não solicitada.
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar a extensão Olhar Digital Ofertas em seu navegador!.

Recomendados pra você