iPad Air 4 começa a ser vendido no Brasil custando a partir de R$ 6.999

Dispositivo é o primeiro a contar com o chip A14 Bionic, mesmo do iPhone 12; versão Wi-Fi é a única disponível

Davi Medeiros, editado por Daniel Junqueira 16/10/2020 17h35
iPad Air 4
A A A

Nesta sexta-feira (16), a Apple deu início à venda do iPad Air de 4ª geração no Brasil. O gadget foi anunciado ao lado dos novos Apple Watches em setembro, e é bastante aguardado por marcar a estreia do chip A14 Bionic, o mesmo que é utilizado no iPhone 12.  


Antes de mais nada, falemos sobre valores. A princípio, o novo iPad Air chega ao mercado apenas na versão Wi-Fi, sem conectividade 4G. Para este modelo, os preços são os seguintes: 

  • 64 GB (Wi-Fi): R$ 6.999
  • 256 GB (Wi-Fi): R$ 8.699

Adicionando o 4G, opção que deve estar disponível "em breve", os preços sobem: 

  • 64 GB (Wi-Fi + 4G): R$ 8.599
  • 256 GB (Wi-Fi + 4G): R$ 10.299

A quarta geração do iPad Air tem bordas mais finas, tela Liquid Retina de 10,9 polegadas e Touch ID integrado ao botão superior (liga/desliga). Destaque para o conector USB-C, que substitui a porta lightning presente nos outros dispositivos da Apple.  

Outra novidade é que o tablet é compatível com o Magic Keyboard, o que expande suas possibilidades de utilização, e com a Apple Pencil de 2ª geração. 

Nas câmeras, nada novo. Assim como o iPad Pro, ele possui uma principal de 12 MP e uma frontal de 7 MP. As cores disponíveis são cinza-espacial, prateado, ouro rosa, verde e azul-céu.

Reprodução

iPad Air 4 tem suporte para Magic Keyboard e 2ª geração da Apple Pencil. Imagem: Divulgação/Apple 

Chip A14 Bionic

Em relação ao desempenho, a Apple prometeu 40% mais velocidade que a geração anterior do gadget. Atendendo às expectativas, testes com o chip A14 Bionic mostraram que ele supera o processador presente no iPad Air 3 em aproximadamente 42% e 48%, considerando sua pontuação em single-core (1.583) e multi-core (4.198), respectivamente.

Em comparação ao A13 Bionic, presente no iPhone 11, o salto é 19% em single-core e 27% em multi-core. Já se considerarmos o chip A12Z, do iPad Pro, o A14 continua ganhando em single-core, mas perde em multi-core. 

É válido observar, contudo, que o A12Z funciona com oito núcleos, enquanto o A14 tem apenas seis. Por isso, é justificável que ele tenha resultado inferior justamente no quesito multi-core, e que um possível "A14Z" supere o chip do iPad Pro de todas as maneiras.  

Vale mencionar que o iPad de 8ª geração também deu as caras na loja oficial da Apple, mas ainda não é possível comprá-lo. 

Gadgets Apple Tablet ipad air apple store
Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você