Lojas poderão se tornar pontos patrocinados de Pokémon Go

Embora já esteja ganhando bastante dinheiro com microtransações dentro do Pokémon Go, a Niantic, desenvolvedora parceira da Nintendo no lançamento, tem outras ideias de monetização para o jogo.

Em entrevista ao The New York Times, o CEO da empresa, John Hanke, anunciou que a Niantic está conversando com redes de fast-food, cafeterias e outros tipos de estabelecimentos para criar PokeStops patrocinadas.

PokeStops são zonas onde os jogadores podem ir para retirar itens como Pokebolas. Geralmente o jogo transforma locais de interesse em PokeStop, como igrejas e monumentos. Com a possibilidade de estabelecimentos se tornarem interessantes para os jogadores, espera-se que sua movimentação cresça.

Foi o que aconteceu com a Huge Café, cafeteria-laboratório de uma agência publicitária. Localizada entre duas PokeStops, a loja comprou um item chamado “lure”, que atrai Pokémons, e com isso aumentou a clientela.

Em declaração repercutida pelo B9, o diretor de criação da Huge, Derek Fridman, disse que ao longo da semana o lure seria ativado todos os dias - o efeito dura 30 minutos. A cafeteria pretende até instalar pontos de recarga de celular para ajudar os jogadores.

Compras para o Natal? Não deixe de conferir a extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ