Motorista bate Tesla Model S enquanto assistia a vídeo no celular

Condutor usava o piloto automático quando atingiu uma viatura de polícia parada na pista; ninguém ficou ferido

Victor Pinheiro 26/08/2020 19h08
Tesla Model S se envolve em acidente
A A A

Um Tesla Model S colidiu com uma viatura de polícia na Carolina do Norte, Estados Unidos, nesta quarta-feira (26). O motorista do Tesla admitiu que assistia a um vídeo em seu celular enquanto usava o piloto automático (Autopilot) do veículo no momento do acidente.


De acordo com autoridades locais, a viatura estava estacionada na pista enquanto o policial concedia suporte a um oficial de patrulha rodoviária que atendia a uma ocorrência anterior. O impacto do acidente empurrou o carro de polícia para dentro do veículo da patrulha rodoviária. Felizmente, ninguém ficou ferido.

O motorista foi acusado de violar a norma de trânsito que determina que condutores mudem de faixa para dar espaço adequado a veículos de polícia, bombeiros e ambulâncias. Ele ainda vai responder por infringir leis que proíbem o uso de qualquer aparelho de mídia a frente da parte traseira do banco do condutor. Autoridades dizem ter encontrado um laptop e um aparelho de DVD no interior do Tesla.

Reprodução

Acidente destruiu lateral da viatura de polícia. Imagem: Patrulha rodoviária de NashCounty

“[O acidente] mostra que a automação nunca vai tomar o lugar [da importância] do motorista prestar atenção, sem mensagens de texto, sem estar no telefone, e com foco no que está fazendo, ou seja, dirigindo”, disse Keith Stone, xerife de Nash County, cidade onde ocorreu o acidente.

O site Electrek pontua que o Model S correspondia a um modelo de pré-atualização, que ainda usa a primeira versão do Autopilot da Tesla.

Este não é o primeiro episódio de colisões do Autopilot da Tesla provocada por desatenção de condutores. No ano passado, ocorreu um episódio semelhante.

Um homem em Norwalk, no estado norte-americano de Connecticut, foi autuado por “direção irresponsável” após colidir seu Tesla Model 3 em piloto automático contra um carro da polícia local. O motorista admitiu que “não estava prestando atenção” e tirou as mãos do volante e os olhos da estrada para ver seu cachorro no banco de trás.

Críticas

A Tesla é criticada por atribuir o nome "Autopilot" ao seu software de assistente de direção, embora o sistema não seja completamente autônomo. Em 2019, uma pesquisa do Institute for Highway Safety (IHS) indicou que a denominação pode confundir usuários.

Quase metade de dois mil entrevistados pela organização apontou que tiraria as mãos do volante ao usar o recurso. Outros 6% indicaram que tirariam uma soneca ao acionar o piloto automático.

Em julho, um tribunal na Alemanha proibiu a Tesla de usar o termo "Autopilot" por criar "uma falsa impressão de que o carro pode dirigir sozinho". Recentemente, o presidente da montadora, Elon Musk, rebateu as críticas e disse que as sugestões para mudar o nome são idiotas.

Via: Cbs17/Electrek

Tesla autopilot tesla model s
Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar a extensão Olhar Digital Ofertas em seu navegador!

Recomendados pra você