Músculo artificial consegue levantar até 1.000 vezes o próprio peso

Pesquisadores dos Estados Unidos desenvolveram um músculo artificial resistente e barato que pode ser usado para criar robôs capazes de levantar até 1.000 vezes o próprio peso.

Cientistas do Laboratório de Ciência da Computação e Inteligência Artificial do Instituto de Tecnologia de Massachusetts se juntaram a uma equipe do Instituto Wyss da Universidade de Harvard para o desenvolvimento de tecnologias aplicáveis a robôs.

Inspirados por origami, eles desenvolveram músculos artificiais que são rápidos e baratos de se fazer: eles custam menos de US$ 1 e ficam prontos em menos de 10 minutos.

Os músculos usam um "esqueleto" interno que pode ser desenvolvido com diversos materiais diferentes, e ficam envoltos por uma espécie de saco plástico. Para fazer um movimento, o saco plástico cria um vácuo interno, fazendo a estrutura se contrair ou expandir.

A abordagem adotada pelos cientistas garante flexibilidade e resistência ao músculo robótico. Os pesquisadores acreditam que a tecnologia tenha potencial para uso em dispositivos médicos, robótica industrial, exploração espacial e até mesmo exoesqueletos vestíveis.

Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ