Google Meet

Para concorrer com o Zoom, Google Meet se torna gratuito para qualquer pessoa

Rafael Rigues, editado por Cesar Schaeffer 29/04/2020 10h11
Compartilhe com seus seguidores
A A A

É possível criar reuniões de até 60 minutos com até 100 participantes; serviço tem integração com o Google Calendar

O Google anunciou nesta quarta-feira (29) que está abrindo sua ferramenta de videoconferência, o Google Meet. A oferta é válida para qualquer usuário que tenha uma conta no Gmail, o serviço gratuito de e-mail da empresa.


Agora gratuita, a ferramenta é mais uma opção para videoconferência e colaboração remota, como o Zoom e o Microsoft Teams. O serviço estava anteriormente disponível apenas para usuários do pacote corporativo do Google, o G Suite.

Reprodução

Os usuários poderão criar reuniões com até 100 participantes e elas poderão ter até 60 minutos de duração, embora o Google afirme que não irá impor este limite até 30 de setembro. O serviço tem integração com o Google Calendar, o que torna mais fácil criar, iniciar ou entrar em uma conferência.

O Google frisa a “fundação segura” sobre a qual seu serviço foi construído, como uma forma de destacá-lo em relação a concorrentes como o Zoom, que vem sendo duramente criticado por falhas de segurança.

A abertura do serviço será feita gradualmente. Interessados podem se cadastrar em um site para serem avisados quando a versão gratuita do Meets estiver disponível.

Fonte: Google

Google Gmail Videochamada zoom Google G Suite Microsoft Teams videoconferência
Compartilhe com seus seguidores
Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você