Patente mostra planos dos óculos inteligentes do Facebook

O Facebook planeja expandir o portfólio de produtos em realidade virtual e aumentada, e uma nova patente descoberta pelo Business Insider detalha os planos da empresa de criar um óculos inteligente com tecnologia da Oculus.

A empresa de Mark Zuckerberg vê na realidade virtual e aumentada um possível caminho para a computação do futuro, e acredita inclusive que isso pode ser tão grande quanto PCs e smartphones. Por isso, levar a tecnologia a uma variedade maior de produtos é visto como fundamental dentro da empresa, que comprou a Oculus em 2014 por US$ 2 bilhões.

A patente encontrada pelo Business Insider foi publicada na quinta-feira, 17, por três funcionários da Oculus. Elas falam de uma "tela de guia de ondas com dois scanners bidimensionais".

Reprodução

Ela seria usada em óculos inteligentes que usam a tecnologia de ondas guiadas na tela para projetar luz nos olhos do usuário de maneira menos agressiva do que faz um display convencional. É uma abordagem semelhante à adotada pela Microsoft no HoloLens.

A patente não detalha possíveis funcionalidades do dispositivo - só diz que ele seria capaz de exibir imagens, vídeos e reproduzir som quando conectado a um fone de ouvido.

Mas não deve ser algo para já: o cientista-chefe da Oculus Michael Abrash já disse que a expectativa da empresa é que óculos inteligentes só comecem a substituir smartphones a partir de 2022, ou seja, ainda há um longo caminho pela frente e é difícil imaginar que um produto final seja lançado logo.

O Natal está chegando. Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ