Pentágono está próximo de implementar IA em larga escala

Segundo o Departamento de Defesa dos EUA, estrutura permitirá que tanques, navios e aviões de combate sejam controlados pela tecnologia; estoque de dados ainda é um obstáculo

Da Redação, editado por Fabiana Rolfini 23/09/2020 15h05
Pentagono
A A A

O Departamento de Defesa dos EUA está próximo de conseguir um equipamento capaz de implantar inteligência artificial em larga escala. Segundo o secretário assistente de Aquisição de Tecnologia e Logísticas da Força Aérea dos EUA, Will Roper, a infraestrutura permitirá que tanques, navios e aviões de combates sejam controlados por IA.


“A Força Aérea e a Força Espacial estão próximas de conseguirem uma estrutura que tornará possível a implementação de inteligência artificial em grande escala”, comunicou o secretário, que também é doutor em matemática aplicada da Universidade de Oxford.

No entanto, o plano ainda enfrenta um grande obstáculo: o estoque de dados necessários para o funcionamento da tecnologia. Assim que o problema for resolvido, o equipamento poderá servir todas as áreas do pentágono.

“Nós poderemos baixar um código diretamente em um avião, sabendo que ele irá funcionar”, afirmou. “E talvez no futuro, um futuro de ficção científica que ainda não alcançamos, poderemos baixar alguns desses códigos até nos cérebros de combatentes”, completou Roper.

Reprodução

Dr. Will Rover acredita que a manipulação de dados digitais é o futuro das guerras. Créditos: Divulgação/US Air Force

O futuro da guerra é digital

O pentágono considera esse tipo de investimento crucial para o futuro da defesa do país. Para o Dr. Roper, infraestruturas digitais serão um ponto importante em combates nos próximos anos.

“Eu estou disposto a prever que nas guerras do futuro, antes de um comandante contar o número de munições, ele olhará para as infraestruturas e os dados digitais, sabendo que se ele for superado nessas facetas, ele será derrotado por um adversário mais veloz”, disse.

Por isso, o Departamento de Defesa pretende agir cada vez mais como uma empresa de tecnologia. “Nossa visão é nos tornarmos um empreendimento de software, que age e lida com dados como o Google ou a Amazon”, concluiu o matemático.

Outro objetivo do departamento, é que o sistema alcance todas as alas do pentágono, para que Exército, Marinha, Força Aérea e a recém-criada Força Espacial, possam disfrutar da mesma tecnologia.

Fonte: Sociable

Inteligência Artificial EUA IA pentagono guerra
Assinar newsletter
Assine nossas newsletters e receba conteúdos em primeira mão
enviando dados - aguarde...
Parabéns! Sua assinatura foi recebida com sucesso!
Atenção: Em instantes você receberá um email de confirmação da assinatura. Para efetivá-la, clique no link de confirmação que você receberá. Verifique também sua caixa de SPAM, pois por se tratar de um email automático, seu servidor de emails poderá identificar incorretamente a mensagem como não solicitada.
Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar a extensão Olhar Digital Ofertas em seu navegador!

Recomendados pra você