IPTV

Policial pega um ano de prisão por venda de IPTV pirata

Daniel Junqueira 03/06/2020 14h30
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Agente da lei britânico, que também já foi condenado por envolvimento com drogas, oferecia tanto aparelhos IPTV quanto assinatura para acesso online a conteúdo protegido por direitos autorais

Um policial britânico foi condenado a um ano de prisão por operar um serviço ilegal de IPTV. E esse é apenas o menor dos problemas do antigo agente da lei, que também tem envolvimento com drogas.


Daniel Aimson trabalhou como policial em Manchester, no Reino Unido, até 2017. Em setembro daquele ano, ele foi preso sob suspeita de fraude e perdeu o emprego. Investigações descobriram que Aimson era o responsável por uma empresa que fornecia acesso a serviços piratas de IPTV.

A empresa do ex-policial atuava tanto na venda de dispositivos modificados com acesso a filmes e esportes, como também oferecia uma assinatura mensal de um serviço de IPTV para ser visto pelo computador.

De acordo com investigadores britânicos, a empresa de Aimson vendeu mais de 1,6 mil dispositivos IPTV entre setembro de 2016 e maio de 2017.

Após julgamento realizado no começo da semana, Daniel Aimson, que se declarou culpado do crime de conspiração para cometer fraude, foi condenado a 12 meses de prisão.

No entanto, o antigo policial vai passar mais tempo atrás das grades. Ele também foi condenado em 2017 a mais de 6 anos de prisão por participar de um grupo que plantava maconha em escala comercial - o serviço de IPTV era só uma das atividades ilegais de Aimson.

Via: TorrentFreak

IPTV Pirataria Crime
Compartilhe com seus seguidores
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você