Próximo smartphone do Google pode não vir com Android puro

A versão mais pura do Android pode estar prestes a virar nada mais do que uma lenda. Novos rumores sobre o próximo smartphone a ser vendido pelo Google indicam que a empresa pode começar a usar uma versão modificada do seu próprio sistema operacional móvel.

Quando o Google criou a linha de smartphones Nexus, a ideia era mostrar ao mercado o que a plataforma Android era capaz de fazer, equipando os aparelhos com a versão mais pura do sistema. Se a mudança se confirmar, a empresa dá a entender que a estratégia para a linha passou a ser outra.

De acordo com o Android Central, as mudanças planejadas para o Android dos novos smartphones devem afetar o visual da interface, como os botões de navegação, e incluir também algumas funções únicas. É isso o que fabricantes como Samsung, Sony, LG e tantas outras fazem: modificam o sistema para que cada uma tenha uma versão própria do Android.

Para sinalizar a mudança, até mesmo o nome dos novos celulares do Google pode não ser mais Nexus. Um outro rumor indica que a marca não será mais usada, substituída pela letra "G" estampada no corpo dos novos smartphones. Com isso, o Google parece estar interessado em levar a sério o mercado de hardware e competir para valer com outras fabricantes no ramo - uma estratégia inédita para a empresa.

Pouco se sabe sobre os novos smartphones do Google, que devem ser anunciados ainda este ano. O que se sabe é que eles estão sendo produzidos pela HTC e que devem ser lançados em duas versões: um com tela de 5 e outro com tela de 5,5 polegadas.

Via The Verge

Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ