Cartão de memória Sandisk Ultra micro SDXC UHS-l

Review do Sandisk Ultra micro SDXC UHS-I: 256 GB de espaço com alto desempenho

Rene Ribeiro, editado por Rui Maciel 19/04/2019 14h30
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Cartão serve tanto a smartphones e tablets, quanto câmeras. Com preço ainda elevado, deve servir mais a aficionados e profissionais de foto e vídeo.

Quase todos os dispositivos de captura de conteúdo utilizam cartões de memória (mídia removível baseada em flash) para armazenamento. Os cartões SD (Secure Digital) foram introduzidos em 1999, como uma atualização dos MultiMediaCards (MMCs) existentes.


Esse padrão ganhou tração mesmo em áreas onde o CompactFlash era preferido, como as câmeras digitais profissionais. Além de ser compaco, atualmente, ele também ganhou grandes capacidades e altas taxas de transferência.

E no review de hoje, veremos o Sandisk Ultra micro SDXC UHS-I de 256 GB. E, antes de mais nada, melhor explicar essa sopa de letras, pois tem influência em qual equipamento deve ser utilizado.

Sandisk Ultra micro SDXC UHS-I de 256 GB: explicando a sopa de letras

Os cartões SDXC usam formatação exFAT como padrão. A sigla significa Secure Digital eXtended Capacity. As capacidades suportadas começam em 64 GB e vão até 2 TB. O SDXC funciona de maneira diferente dos cartões SD. Este novo formato NÃO é compatível com dispositivos que só suportam cartões SD (128 MB a 2 GB).

A maioria dos dispositivos fabricados depois de 2010 deverão ser compatíveis com SDXC. Para garantir a compatibilidade, procure o logo SDXC no slot de cartões e dispositivos (câmeras, filmadoras, etc). Os smartphones, tablets e PCs também são compatíveis com o formato SDXC, logicamente, no tamanho micro SD.

Reprodução

A sigla UHS-I significa Ultra High Speed - Fase 1. E existe a UHS-II. A UHS-I é uma tecnologia de construção das células de memória para aumentar o desempenho de gravação cartão de memória. Ele garante a velocidade mínima de 10 MB/seg para sustentação da gravação dos dados sem perder ou cortar informações. A velocidade máxima teórica de gravação sequencial é de 104 MB/seg. A UHS-II é um padrão utilizado em câmeras de vídeo profissionais que usam o padrão 4 K de resolução.

Por isso o cartão Sandisk Ultra micro SDXC UHS-I desse review é recomendado para dispositivos que gravem no máximo em full HD. E ainda há a sigla A1, que está na embalagem desse produto. Devido ao uso cada vez mais frequente em celulares e tablets, a SD Association criou um selo e um padrão para que os cartões funcionem bem com aplicativos. Confuso, concordo. Mas a culpa é da SDA e está tudo explicado nesse documento.

Reprodução

É bom dizer que esse produto acompanha um adaptador SD, o que é bom para usar em câmeras (gravando até full HD) e transferir os dados também para um notebook, caso não tenha cabo ou Wi-Fi no momento.

Sandisk Ultra micro SDXC UHS-I de 256 GB: testes de desempenho

Dito isto, vamos verificar se esse micro SD atinge a velocidade sequencial prometida pela Sandisk. Mas antes da velocidade, eu quis verificar a qualidade de gravação. Primeiro usei um smartphone Galaxy S10+ e gravei um vídeo na resolução full HD (1920 x 1080 pixels) na qualidade de 60 fps (frames por segundo). A qualidade padrão é de 30 fps, mas eu quis forçar um pouco.

Configurei no smartphone para gravar vídeos e fotos no cartão micro SD. Gravei um vídeo de 5 minutos, copiei para o computador para ver em tela grande. O resultado foi ok, não houve nenhuma travada ou perda de cena.

E aproveitando para fazer o teste de velocidade, usei esse mesmo arquivo copiando do notebook para o cartão da Sandisk. Dessa forma, sabendo o tamanho do arquivo e cronometrando o tempo que leva para fazer a cópia para o cartão, chegamos ao resultado da taxa de gravação.

Reprodução

Esse arquivo ficou com tamanho de 2,4 GB. E levou 35 segundos para ser copiado no cartão. Portanto, a taxa de escrita no cartão foi de 68 MB/seg. Logicamente, arredondando. Mesmo porque o importante é saber se a velocidade é, ao menos, semelhante ao valor teórico.

E fazendo o processo inverso, copiando do cartão para o notebook, descobrimos a taxa de leitura do cartão. Nesse processo, o tempo para transferir o mesmo arquivo para o notebook foi de 25 segundos. Fazendo as contas, a taxa de leitura desse cartão da Sandisk foi aproximadamente de 98 MB/seg.

Também executei o benchmark Crystal Diskmark, para confirmar a prática. Ele fornece outros dados além da leitura e escrita sequencial, como a taxa de transferência de múltiplos arquivos de tamanhos pequenos. O resultado está na tela abaixo:

Reprodução

Os resultados mostram que a taxa de leitura no teste prático e no Crystal Disk Mark, chegou bem perto do valor prometido pela Sandisk. Bom dizer que notebook dos testes usava um processador Core i5-8300H de 2,3 GHz, com 8 GB de RAM DDR4. O Notebook usava um HD de 1 TB, sem nenhum recurso de aceleração de leitura e gravação de dados em disco, como memória optane, por exemplo.

Os resultados que importam nessa tabela são a primeira e terceira linhas, as quais informam a taxa de transferência em leitura e gravação sequencial. A segunda e quarta linhas informam resultados de acessos a uma miscelânea de arquivos pequenos (4KB), com acesso aleatório.

Sandisk Ultra micro SDXC UHS-I de 256 GB: porque a velocidade é importante

Imagine salvar em seu smartphone ou câmera uma quantidade imensa de fotos e vídeos. Para passar para seu computador, o jeito mais rápido não é pela nuvem e, sim, com conexão direta via cabo. Para ter uma ideia segue abaixo a estimativa da quantidade de arquivos de mídia que esse cartão suporta.

Reprodução

 

Sandisk Ultra micro SDXC UHS-I de 256 GB: conclusão

Esse produto é mais caro do que um cartão micro SD comum, porém, atinge alta velocidade de leitura, o que é interessante para copiar rapidamente seus arquivos de fotos e vídeos para o computador. Este cartão de 256 GB custa, em média, R$ 700. Para ter uma estimativa, o espaço de 256 GB permite armazenar cerca de 4.800 fotos (em qualidade alta, com 13 megapixels e tamanho de arquivo de 3,5 MB cada foto) ou então 1.280 minutos de vídeo na qualidade full HD (1920 x 1080 pixels).

Com tamanha quantidade de dados, é mesmo interessante que o cartão tenha uma boa velocidade de acesso para não perder tempo transferindo dados do celular para o PC ou de uma câmera para o PC. E os testes mostraram que esse produto atinge velocidade de leitura bem próxima do prometido pela Sandisk. Portanto, é um cartão ótimo para gravar vídeos e fotos em câmeras e celulares preservando a qualidade dos arquivos e com boa taxa de transferência para não ficarmos esperando muito a cópia de arquivos.


Flash review Cartão de Memória micro SD cartão SD
Compartilhe com seus seguidores
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você