Robô do Google bate maior campeão de jogo chinês mais difícil que xadrez

Parece que nem o melhor jogador de Go do mundo é capaz de parar o AlphaGo, inteligência artificial que chamou a atenção ao derrotar uma lenda do jogo pouco mais de um ano atrás.

Desenvolvido pela DeepMind — que faz parte da Alphabet, empresa-mãe do Google —, o AlphaGo venceu Ke Jie, número um de Go, em um pequeno torneio de três partidas que acontece na China, segundo reportado pelo The Verge. Ke, que tem apenas 19 anos, é considerado um prodígio na comunidade de Go e já bateu várias vezes o sul-coreano Lee Se-dol — até então, vítima mais impressionante do AlphaGo.

O humano conduziu a partida a um formato já conhecido pelo robô do Google, numa demonstração de que estudou o AlphaGo antes de "entrar em campo". Desde o começo, a máquina mostrou vantagem, e no fim a vitória saiu por apenas meio ponto — o mínimo possível dentro de Go.

O desafio ocorre durante o Future of Go Summit, evento realizado pelo Google em Wuzhen. A próxima partida acontecerá na quinta-feira, 25, e a final está marcada para sábado. Na sexta, porém, o AlphaGo passará por duas provações: primeiro, o robô terá de jogar como parceiro de dois humanos que estarão agindo um contra o outro; depois, atuará contra cinco jogadores de uma só vez.

Não entende por que isso é tão importante? Até o evento do ano passado, as máquinas só haviam superado os humanos em jogos de tabuleiros, como dama e xadrez. Go, entretanto, exige um nível de intuição muito superior, conforme explicamos neste texto.

Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ