Samsung

Samsung anuncia que terá queda de receita e lucros no último trimestre de 2018

Rui Maciel 08/01/2019 11h30
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Lucro operacional deve cair 28,7%. Vendas de memórias e smartphones puxaram os resultados para baixo.

Ainda que tenha registrado recorde de lucros no penúltimo trimestre de 2018, a Samsung emitiu um comunicando anunciado que suas receitas e lucros referentes aos últimos três meses do ano passado serão inferiores se comparadas ao mesmo período de 2017.


Segundo a companhia, a previsão de vendas para o período é de cerca de US$ 52,5 bilhões, uma queda de 11% em relação aos 12 meses anteriores. Além disso, o lucro operacional deve cair 28,7% em relação ao ano passado, totalizando US$ 9.67 bilhões.  A previsão causou choque em investidores e analistas de mercado, que esperavam US$ 11.72 bilhões de lucro operacional e US$ 55.7 bilhões em receita.

Os resultados que devem ser apresentados no próximo relatório da fabricante sul-coreana foram afetados por dois fatores, segundo a mesma: “demanda fraca no setor de memória” e “intensificação da concorrência no setor de smartphones”. No caso das memórias, as remessas diminuíram devido a ajustes imprevistos de estoque de clientes do setor de data center. Além disso, a empresa diz que gastou mais em marketing de smartphones diante de vendas estáveis ​​e forte sazonalidade. Os resultados também foram aparentemente afetados por uma "despesa não recorrente", que não foi especificada pela companhia.

Quanto ao trimestre atual, a Samsung espera que os lucros permaneçam "moderados" por causa da demanda lenta por memória. No entanto, a companhia espera um cenário mais favorável no segundo semestre de 2019. A empresa está apontando para dispositivos 5G e dobráveis ​​para melhorar o desempenho de sua divisão móvel. Além disso, ela afirma que suas telas OLED para smartphones continuarão a aumentar a penetração no mercado.

Período turbulento para as gigantes

O anúncio da Samsung mostra que o último trimestre de 2018 definitivamente não foi um período dos mais agradáveis para as gigantes da Tecnologia. Na última semana, a Apple também emitiu uma carta aos investidores, anunciando que a expectativa de receita para o período será US$ 9 bilhões abaixo do fora projetado.

O fato é que ambas as empresas estão sofrendo com o aumento da demanda de smartphones, e, embora apenas a Apple tenha destacado a China especificamente como uma das principais causas para as vendas abaixo do esperado, a Samsung enfrentou de forma semelhante uma intensa concorrência nesse mercado por parte de Huawei e Xiaomi. No entanto, as dificuldades com o negócio de memória são exclusivas da Samsung.

A divulgação oficial dos resultados da Samsung ocorrerá no final de janeiro.  

Fonte: CNBC

Samsung resultados balanço vendas
Compartilhe com seus seguidores
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você