Samsung inicia produção em massa de chip de 5 nanômetros

Mais potente, chip que melhora o desempenho do processador em 15% deve estrear no Galaxy Note 20; empresa já está desenvolvendo processos de 4 nanômetros

Davi Medeiros, editado por Fabiana Rolfini 30/07/2020 16h36
Samsung
A A A

A Samsung divulgou nesta quinta-feira (30) o relatório de resultados financeiros do segundo trimestre de 2020. No documento, a companhia anunciou que já iniciou a produção em massa de chips com processo de 5 nanômetros, e agora desenvolve circuitos de 4 nanômetros. 


Na indústria da tecnologia, cada nanômetro conta. A medida diz respeito à porta (gate) dos transistores, e é inversamente proporcional à capacidade do chip. Isto é, quanto menores os transistores, maior a quantidade deles a caber em menos espaço, e, portanto, melhor a potência do dispositivo. 

Atualmente, a maioria dos celulares de última geração funcionam com circuitos de 7 nm. Isso já é bem pequeno (um nanômetro equivale a um bilionésimo de metro). Com esse tamanho, cabem 96 milhões de transistores em cada milímetro quadrado de chip. 

Com os novos processos de 5 nm, esse número sobe para cerca de 173 milhões por mm², o que melhora o desempenho do processador em 15%. Isso porque a peça é o "cérebro" dos dispositivos, e o que a tecnologia faz é incrementar cada vez mais o número de "neurônios" dentro dele.

A primeira linha de processadores da Samsung a contar com processo de 5 nm será a Exynos 992. Ela fará sua estreia no Galaxy Note 20, que tem lançamento previsto para o segundo semestre. 

galaxynote-20.jpg

Design oficial do Galaxy Note 20, primeiro celular da Samsung com chip de 5 nm. Imagem: Samsung

Resultados econômicos

O relatório mostra que a receita da Samsung no último trimestre foi de 52,97 trilhões de wons (cerca de R$ 228 bilhões). Isso representa queda de 5,63% em relação ao mesmo período do ano passado, quando a companhia lucrou 56,13 trilhões de wons (R$ 242 bilhões). 

No ramo de litografia de processadores, a Samsung perde para a concorrente taiwanesa TSMC, que no ano passado ficou com uma fatia de mercado de 52%. A TSMC fabrica chips para a Apple, e seu primeiro processo de 5 nm deve estar presente no iPhone 12.  

Atualmente, Samsung e TSMC disputam quem produz chips com processos mais reduzidos. Ambas as empresas agora se dedicam a fabricar processos de 4 nm, e já revelaram planos de desenvolver tecnologia de 3 nm em breve.  

Via: GizChina

Samsung Tecnologia chips Galaxy chipset
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você