Teia de Aranha

Seda sintética de aranha pode ajudar com problema de poluição plástica

Clara Guimarães, editado por Rafael Rigues 18/09/2019 12h01
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Pesquisadores finlandeses criaram material com celulose e fibra de teia de aranha com propriedades semelhantes às do plástico

Na Finlândia, pesquisadores da Universidade de Aalto e do Centro de Pesquisa Técnica VTT desenvolveram um novo material que poderia ser utilizado para substituir o plástico. Ele é produzido a partir de fibras de celulose de madeira e da proteína de seda encontrada nos fios de teias de aranha. Isso confere ao material estrutura firme e resiliente.


"As fibras de celulose que usamos são originárias da madeira- e também é possível usar outros tipos de celulose, como jornais velhos ou têxteis de algodão como fonte", disse Markus Linder, professor da Universidade de Aalto Ele também explica que a seda de aranha usada no trabalho não era foi produzida por aranhas reais, mas por meio do DNA sintético inserido em bactérias.

O professor acredita que o material é uma opção viável para substituir "plásticos que usamos para carros, telefones celulares ou computadores", mas acredita que pode demorar até os cientistas conseguirem produzi-lo em grandes quantidades.

Aumentar a produção exigirá muito trabalho", disse Linder. "Existem muitos detalhes de como isso deve ser feito e muitos problemas em potencial. Algumas coisas funcionam bem no laboratório, mas fazê-las em larga escala requer soluções muito diferentes".

Via: Digital Trends

Pesquisa Ciência dna poluiçao plastico aranha
Compartilhe com seus seguidores
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você