Spam

Spams produzidos pela IA podem obstruir resultados do Google

Bruna Lima, editado por Roseli Andrion 02/07/2019 15h15
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Um 'tsunami' de conteúdo barato desenvolvido pela tecnologia pode causar problemas para os mecanismos de busca

No ano passado, os sistemas de inteligência artificial (IA) deram grandes passos em sua capacidade de produzir textos convincentes, de letras de música a contos. Especialistas alertam que essas ferramentas podem ser usadas para disseminar desinformação política, mas há outra meta potencialmente mais lucrativa: obstruir resultados de buscas do Google.


Agora, além de criar notícias falsas, a IA pode compor infinitos posts de blog, sites e spams de marketing. O conteúdo é barato para ser desenvolvido e recheado de palavras-chave relevantes, mas, como a maioria dos textos obtidos a partir dessa tecnologia, teria apenas significado superficial e com pouca fidelidade ao mundo real.

Um exemplo é esta postagem de um blog: "Quais filtros de fotos são melhores para o marketing do Instagram?". À primeira vista, parece legítimo, já que tem uma introdução seguida por citações de vários tipos de marketing. Ao ler com um pouco mais de atenção, entretanto, é possível perceber que ele faz referência a revistas, pessoas e filtros do Instagram que não existem.

A história do SEO suporta a ideia de programar a IA para a produção de posts. Sempre foi um jogo de gato e rato, em que todos tentam os métodos mais variados possíveis para atrair o máximo de visualizações que conseguirem, enquanto portais como o Google separam o que é relevante ou não.

Os spinners de artigos — ferramentas automatizadas que reescrevem o conteúdo existente — também começam a surgir mais e substituem palavras para impulsionar o conteúdo. O Google e outros mecanismos de busca respondem com novos filtros e métricas para eliminar esse material, mas a solução não é simples.

Mike Blumenthal, consultor e especialista em SEO, diz que essas ferramentas certamente atrairão spammers, especialmente por sua capacidade de produzir texto em grande escala. "O problema que o conteúdo escrito por IA apresenta, pelo menos para a pesquisa na web, é que esse é um jeito barato de produzi-lo", afirma.

Outro ponto são as pesquisas na web: elas são feitas cada vez mais por meio de proxies como Siri e Alexa. Isso quer dizer que os moderadores de conteúdo, como o Google, só precisam compor "uma ou duas grandes respostas" em vez de dezenas de links relevantes.

Ainda é possível reconhecer e detectar o que é produzido pela IA, graças aos erros linguísticos e gramaticais. Contudo, a criação de texto artificial tem avançado em qualidade com extrema rapidez, e especialistas na área acham que isso pode levar a resultados incríveis.

Via: The Verge

Spam Inteligência Artificial seo
Compartilhe com seus seguidores
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você