Startup brasileira Nubank recebe R$ 200 milhões em investimento dos EUA

Nubank é uma startup brasileira que gerencia cartões de crédito apenas pela internet. Nesta quinta-feira, 7, a empresa anunciou uma nova rodada de investimentos, liderada pela norte-americana Founders Fund. Com os mais de US$ 50 milhões de seu novo aporte, a companhia agora é avaliada em, aproximadamente, US$ 500 milhões (mais de R$ 2 bilhões).

A Founders Fund é chefiada pelo bilionário Peter Thiel, um dos investidores mais proeminentes em startups e empresas de tecnologia do Vale do Silício, nos Estados Unidos. O motivo para o investimento na Nubank talvez seja sua impressionante popularidade: mais de 1 milhão de brasileiros já demonstraram interesse no cartão de crédito da marca.

O que atrai os consumidores é o fato de que a Nubank não cobra taxa de anuidade ou tarifas extras; seus juros rotativos (aqueles cobrados em caso de atraso de pagamento) são mantidos abaixo da média do mercado; e todo o gerenciamento da conta é feito por um aplicativo de smartphone. Ou seja, nada de agências, caixas eletrônicos ou filas.

Segundo a Nubank, o custo menor e a maior praticidade fazem com que tantas pessoas se interessem pelo cartão. Atualmente, a empresa diz que há uma fila de espera de 300 mil interessados, aguardando seu histórico de crédito ser analisado, para então receber um cartão. Tudo isso além dos mais de 700 mil clientes já aprovados.

Outros fundos de investimento que já apostaram na startup - criada há menos de três anos - incluem o Sequoia Capital, o Tiger Global Management e o Kaszek Ventures. Antes dos R$ 200 milhões de dezembro, o Nubank já havia recebido três grandes aportes com cifras milionárias.

Via The New York Times

Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ