Tesla está disposta a dividir sua tecnologia com a concorrência, diz Musk

Segundo o CEO da montadora, a missão da empresa é acelerar o advento da energia sustentável e não exterminar seus rivais do mercado automotivo

Fabiana Rolfini 29/07/2020 08h44
Tesla autopilot
A A A

A Tesla pode ser a montadora mais valiosa do mundo em valor de mercado e a líder do segmento de veículos elétricos, mas a empresa não tem a intenção de exterminar seus rivais do mercado automotivo. Pelo contrário, sua missão é acelerar o advento da energia sustentável.


Para tal, a companhia de Elon Musk estaria até disposta a fornecer aos seus principais concorrentes os componentes-chave que lhes permitiriam produzir carros elétricos comparáveis aos da Tesla.

Em resposta a uma notícia do site Teslarati, sobre como as empresas automobilísticas alemãs pretendem alcançar o nível de sucesso da Tesla, Musk retuitou a matéria dizendo estar aberta a ajudar a concorrência.

“A Tesla está aberta ao licenciamento de software e ao fornecimento de motores e baterias. Estamos apenas tentando acelerar a energia sustentável, não esmagando os concorrentes!", escreveu.

O executivo afirmou ainda que a Tesla também estaria disposta a compartilhar seus softwares com seus concorrentes. Entre eles está o Autopilot, que poderia muito bem fornecer um impulso notável ao mercado de direção autônoma.

Em 2018, durante a divulgação dos resultados do primeiro trimestre, Musk já havia mencionado que a Tesla ficaria feliz em fazer parceria com outras montadoras do setor de carros elétricos, desde que pagassem e compartilhassem custos proporcionais ao uso de seus veículos.

Reprodução

Tesla não quer exterminar rivais do mercado automotivo, segundo Musk. Foto: Tesla

Até agora, apenas a startup Bollinger Motors divulgou publicamente seu pedido para usar a rede de carregamento Supercharger da Tesla para seus veículos off-road. Por enquanto, nem a Tesla nem Elon Musk emitiram uma resposta pública ao pedido. 

Anos à frente da concorrência

Nesta terça-feira (28), o novo CEO da Audi, Markus Duesmann, admitiu em declaração à Reuters que a Tesla está muito à frente das concorrentes em áreas críticas para os veículos elétricos.

Duesmann afirmou que "atualmente, a Tesla tem baterias maiores porque seus carros são construídos ao redor das baterias. A Tesla está dois anos à frente em termos de computação e arquitetura de software, e também em direção autônoma".

Para alcançar a rival, Duesmann estabeleceu um grupo interno para desenvolver um modelo elétrico "pioneiro" para a Audi, de forma "rápida e sem burocracia". O projeto, chamado Artemis, tem como objetivo criar um "carro elétrico altamente eficiente, que poderá estar nas ruas já em 2024".

 

Via: Teslarati

 
Software Tesla autopilot montadora veículos elétricos
Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você