Bateria

Três dicas para que você tire o máximo da bateria de seu notebook

Rene Ribeiro 09/01/2019 09h15
Compartilhe com seus seguidores
A A A

Um dos aspectos que mais nos preocupa quando obtemos um dispositivo portátil é a autonomia da bateria. Quanto tempo vai durar, mesmo no modo de economia de energia, em que o sistema reduz a frequência de trabalho do processador e também o modo de desempenho máximo da CPU.


Controvérsias à parte, como a que acontece com a Apple e a bateria no iPhone, aqui, o que vamos fazer é dar uma série de orientações para tentar otimizar o uso da bateria do laptop.

Vamos ver como deve ser feita a carga, em que frequência, a temperatura de uso e também se é correto usar o notebook enquanto carregamos a bateria.

Partimos da premissa de que, com o passar do tempo, a autonomia da bateria vai diminuindo, até chegar ao ponto de não manter mais energia e assim temos de ficar plugados na tomada.

Percentagens de carga

Esqueça o efeito de memória das baterias de níquel- hidreto metálico (NiMH). Estas tinham que ser recarregadas somente quando chegavam ao fim da energia para manter a “saúde” perfeita. O problema é que muitos usuários continuam a agir como se isso ainda acontecesse com as baterias atuais.

Quando se trata de carregar a bateria, você provavelmente já ouviu dicas de que é bom deixá-la totalmente descarregada para começar a carregar novamente. E também que ela deve sempre ser carregada até atingir 100%. Bem, nenhuma dessas afirmações é verdade absoluta.

Se deixarmos a carga zerar repetidamente (pois uma vez ou outra não há problema), causamos danos na bateria. Por outro lado, fazendo ciclos completos de até 100%, estamos diminuindo o número de ciclos de carga (que é limitado para toda bateria).

Normalmente, um ciclo de recarga total é aplicado quando recarregamos a bateria após descarregá-la abaixo de 20% .

A melhor coisa é permitir que ele seja reduzido para um número baixo, talvez 20% ou 30% e depois fazer uma carga que chegue a quase 100% (por volta de 90%). Isso deve ser feito se você usa o laptop com freqüência. Se você for deixá-lo ocioso por um longo período, é conveniente deixar a bateria com uma carga próxima a 70%, porque uma carga muito alta ou muito baixa por um longo período em que não a usamos o portátil, também pode ser prejudicial.

Controle de aplicativos e funções

Alguns aplicativos e funções consomem energia em excesso, e isso também pode acontecer com algumas páginas da web. É interessante acompanhar o uso de todos eles para que você possa aumentar a vida útil da bateria tanto a curto, como a longo prazo.

Deste modo, é interessante desativar as conexões que não estão sendo utilizadas (Bluetooth, Wi-Fi, NFC...), não utilizar um brilho excessivo na tela e mesmo ativar algum modo de economia de energia.

Você também pode verificar os aplicativos em execução e focar naqueles que fazem isso em segundo plano para sair de todos aqueles que não interessam. Podemos usar o Battery Saver no Windows 10, um modo que será ativado automaticamente quando o computador atingir 20% da bateria, limitando e bloqueando os programas em segundo plano.

Temperatura

A temperatura é essencial para cuidar do tempo de vida útil da bateria. Devemos nos afastar dos extremos, porque eles não funcionam corretamente com calor excessivo e isso vale também para temperaturas muito baixas.

Portanto, é ideal ter uma temperatura média, como de costume, para que a bateria não sofra desgaste excessivo no uso diário. Como não há um termômetro para ficar monitorando, o ideal é ficar atento aonde usamos o notebook.

Os portáteis possuem uma ventoinha que joga o ar quente para fora, por meio de orifícios ou grades, que geralmente estão na parte de baixo dos notebooks. Então, a dica é usar os portáteis em uma superfície sempre lisa, para que essas passagens de ar não sejam obstruídas.

A boa ventilação é fundamental tanto para a saúde da bateria, quanto para os outros componentes de hardware do portátil.

Bateria removível

Se a bateria do seu laptop puder ser removida, é interessante não combinar o uso simultâneo com o carregador da tomada. Se você for usá-lo por horas, use apenas uma das duas fontes e combine-as, por exemplo, somente se precisar carregar a bateria em caso de uso urgente do notebook.

No entanto, hoje em dia, os portáteis são concebidos de forma que, quando a carga atinge 100%, a energia é cortada para que a bateria não se deteriore. Mas ao cair a carga, ele vai começar a carregar novamente e esse efeito de carregar e descarregar constantemente diminui a vida útil da bateria.

Sistema operacional atualizado

Para finalizar, é aconselhável manter o software do equipamento atualizado, pois os programas e utilitários têm constantes updates com melhorias e otimizações que resultam em um menor consumo de recursos de uso geral da máquina e, consequentemente, da bateria.


Windows Vista Economia Windows Android Windows 7 Bateria Windows 8 iOS windows phone 7.8 windows 8.1 windows xp Windows 10 windows update
Compartilhe com seus seguidores
Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.

Recomendados pra você