WhatsApp já foi banido de 12 países, revela estudo

Você conseguiria viver sem acessar as principais redes sociais da atualidade? Sem ficar antenado em tudo o que seus amigos estão fazendo no Facebook ou postando no Instagram? E que tal ter que voltar a se comunicar por SMS porque o WhatsApp não pode ser utilizado? Se você acha que esse cenário é assustador, é melhor não visitar alguns países.

De acordo com um estudo elaborado pela Freedom House, WhatsApp e Facebook são os principais aplicativos com uso proibido no mundo inteiro. O serviço de mensagens foi banido de 12 países, enquanto a rede social não pode ser acessada em 8 países. Twitter, Skype e Instagram foram listados com 7 indicações cada.

Reprodução

Apesar de bem detalhado, o estudo não revela em quais países especificamente os aplicativos não funcionam. No entanto, é possível observar quais territórios contam com políticas mais rigorosas de controle da liberdade de expressão ne internet. Entre eles estão: China, Síria, Irã, Etiópia e Uzbequistão estão no top 5. A lista ainda conta com Cuba, Vietnã, Rússia, Paquistão, entre outros.

Já entre as nações mais abertas ao conceito de liberdade de expressão, a Estônia lidera com folga, seguida por Islândia, Canadá, Estados Unidos e Alemanha. O Brasil, por sua vez, é considerado apenas “parcialmente livre” e ocupa a parte intermediária da tabela com 65 nações. O principal motivo para isso deve-se aos bloqueios temporários do WhatsApp ordenados por juízes nos últimos anos.

Compras para o Natal? Não deixe de conferir a extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ