Amazon anuncia aquisição de rede de supermercados por US$ 13 bilhões

Amazon, uma das maiores empresas de tecnologia do mundo, avaliada em mais de US$ 430 bilhões, acaba de fazer a maior aquisição da sua história. A companhia do bilionário Jeff Bezos anunciou nesta sexta-feira, 16, a compra da Whole Foods, uma rede de supermercados de comida natural e orgânica - o que, no Brasil, também chamamos de "sacolão", espécie de feira em local fechado.

Os acionistas da Whole Foods ainda precisam aprovar a transação, mas, a princípio, a compra custou à Amazon nada menos do que US$ 13,7 bilhões, o equivalente a R$ 44 bilhões em conversão direta. De acordo com informações da agência de notícias Bloomberg, o pagamento foi oferecido em dinheiro.

A Amazon ainda não deu uma boa explicação para o negócio. Em comunicado, Jeff Bezos disse apenas que espera "maximizar o valor" da Whole Foods e continuar a "oferecer a melhor comida natural e orgânica" que os consumidores da rede já conhecem "há quase quatro décadas".

Já se especula nos EUA, porém, que a aquisição faça parte do plano da Amazon de deixar de ser apenas uma gigante do comércio virtual e passar também a dominar o mundo real. Vale lembrar a loja física automatizada que a empresa estreou no ano passado onde as pessoas podem simplesmente entrar, pagar e levar seus itens sem passar por um atendente humano.

Além disso, a Amazon também já andou se aventurando no ramo do comércio alimentício com o Amazon Fresh, uma loja virtual que entrega comida no endereço do cliente em até 24 horas. Tudo isso, porém, permanece limitado aos EUA, já que, no Brasil, a empresa só atua no comércio digital de livros e ebooks, além de vender também o leitor eletrônico Kindle.





RECOMENDADO PARA VOCÊ