Foxconn substitui 60 mil funcionários por robôs

Uma das maiores fornecedoras de peças para a Apple, a Foxconn teria demitido mais de 60 mil funcionários e substituído as pessoas por robôs. A informação é do jornal South Morning Post. Em declaração à publicação, um funcionário do governo chinês teria dito que a "força de trabalho foi reduzida de 110 mil para 50 mil pessoas, graças à introdução de robôs. E mais empresas estão propensas a seguir esse exemplo".

A mudança teria como objetivo reduzir os custos do trabalho a longo prazo e, portanto, ajudar a evitar os efeitos da desaceleração econômica da China.

A Foxconn confirmou a automatização nas fábricas, mas negou que isso signifique perdas de empregos a longo prazo. "Estamos aplicando a engenharia robótica e outras tecnologias de fabricação inovadora para substituir tarefas repetitivas anteriormente feitas pelos trabalhadores. Através da formação, isso também permite que os nossos funcionários se concentrem em trabalhos de maior valor agregado no processo de fabricação, tais como pesquisa e desenvolvimento, controle de processos e controle de qualidade", explicou a empresa.

Via BBC

Compras na Internet? Para aproveitar as melhores ofertas, baixe a nova extensão do Olhar Digital. Além da garantia do melhor preço, você ainda ganha descontos em várias lojas. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ