Intel finaliza compra de concorrente por US$ 16,7 bilhões

A pós receber em outubro o aval da Comissão Europeia para a transação, a Intel finalizou ontem a compra da Altera, uma concorrente sua, por um valor total de US$ 16,7 bilhões. Trata-se da maior aquisição já realizada pela Intel.

A Altera produz FPGAs (Field Programable Gate Arrays, ou arranjo de portas programável em campo), um equipamento que é utilizado por grandes empresas de tecnologia, como o Google e o Facebook, para reforçar os processadores Xeon que movem seus servidores. 

Inicialmente, a Intel continuará a fabricar e comercializar os FGPAs da Altera. No entanto, a visão para longo prazo da empresa é combinar essa tecnologia aos seus processadores Xeon, voltados para servidores, de maneira a resultar em um único produto.

A combinação dos dois produtos em um só poderia, segundo a empresa, dobrar o poder e a velocidade de processamento de seus chips atuais. De acordo com Brian Krzanich, o CEO da Intel, esses novos processadores serão as estrelas por trás de "experiências como direção autônoma e aprendizado de máquinas.

Você faz compras Online? Não deixe de conferir a nova extensão do Olhar Digital que garante o preço mais baixo e ainda oferece testadores automáticos de cupons. Clique aqui para instalar.




RECOMENDADO PARA VOCÊ